Edição: 243

Diretor: Mário Lopes

Data: 27/2/2021

Eurodeputada e ex-ministra eleita presidente do Conselho Geral do Politécnico de Coimbra

2021-01-23 19:12:13

Maria Manuel Leitão Marques

Maria Manuel Leitão Marques foi eleita, no dia 22 de janeiro, presidente do Conselho Geral do Politécnico de Coimbra (IPC). A eleição ocorreu em sessão extraordinária, sob escrutínio secreto, no auditório da Escola Superior Agrária do Politécnico de Coimbra, sob a presidência do Professor Silvino Dias Capitão, na qualidade de Professor do Conselho mais antigo, da categoria mais elevada. Na eleição votaram os 28 membros do Conselho Geral presentes (de um total de 35), tendo a conselheira eleita obtido 27 votos.

Maria Manuel Leitão Marques, deputada no Parlamento Europeu eleita pelo Partido Socialista (PS) e ex-ministra da Presidência e da Modernização Administrativa, assume este cargo como “um novo desafio” que encara com satisfação. “Estou disponível para trabalhar com entusiasmo e olhar para o futuro, para os desafios que temos no nosso Ensino Superior, para os nossos estudantes e a sua empregabilidade, para os nossos professores e a sua carreira científica e pedagógica também, que é muito importante. E sobretudo para as ligações que esta instituição de Ensino Superior possa ter com a Região e com outras regiões portuguesas ou com o estrangeiro”, afirma.

A nova Presidente do Conselho Geral do IPC espera potencializar a experiência no Parlamento Europeu para o exercício das suas funções no Politécnico de Coimbra. “Se eu puder trazer também um bocadinho daquilo que passa pelas instituições europeias – e passa muita coisa ao nível dos desafios da transição digital, da transição verde, do
chamado green deal – se eu puder trazer também um bocadinho de conhecimento de que beneficie sendo deputada no Parlamento Europeu fico também muito contente com isso. Porque fui eleita por Portugal e é bom ter esse retorno”, garante.

Compete ao Conselho Geral eleger o presidente do IPC, apreciar os atos do presidente e do Conselho de Gestão; propor as iniciativas que considere necessárias ao bom funcionamento da instituição, e desempenhar as demais funções previstas na lei ou nos estatutos. Compete ainda ao Conselho Geral, sob proposta do Presidente; a aprovação dos planos estratégicos de médio prazo e do plano de ação para o quadriénio do mandato do Presidente; das linhas gerais de orientação da instituição no plano científico, pedagógico, financeiro e patrimonial, dos planos anuais de atividades e a apreciação do relatório anual das atividades da instituição; a fixação das propinas devidas pelos estudantes e a aprovação do estatuto disciplinar do estudante do IPC, entre outras funções.

     Fonte: Símbolo de Memória

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Ainda não há comentários nenhuns.