Edição: 244

Diretor: Mário Lopes

Data: 2/3/2021

Programa “Batalha Solidária”

Município da Batalha compra refeições a restaurantes locais para apoiar famílias carenciadas

2021-02-15 17:54:52

Take Away da restauração da Batalha vai servir cerca de 900 a 1500 refeições no primeiro mês de arranque

O Governo decidiu prolongar o confinamento até ao dia 1 de março de 2021, com a indicação que a situação de emergência nacional pode prolongar-se durante o mês de março, com consequências dramáticas para as famílias carenciadas e também para muitos que estão em casa, com as portas dos seus negócios fechadas, com as suas vidas em sérios apuros e com muitos planos literalmente parados.

Para ajudar todos aqueles que já estão a passar por dificuldades desde o primeiro confinamento até agora e apoiar os negócios da restauração, a Câmara Municipal da Batalha vai reforçar o programa “Batalha Solidária” com a disponibilização de refeições para ajudar famílias afetadas pela pandemia e também a restauração, que se viu de portas fechadas e limitada a sua atividade durante os últimos meses.

Os restaurantes locais e as associações representativas do setor da restauração já foram contactadas para celebrar um acordo de colaboração para o fornecimento em regime de “take away ”das refeições necessárias e que se estimam, uma primeira fase, em cerca de 900 a 1500 refeições no primeiro mês de arranque, correspondendo a um apoio inicial de 12 mil euros.

Nas palavras do autarca local, Paulo Batista Santos, “vivemos um tempo de excecional e desafiante, todos somos chamados a ajudar quem precisa e também é necessário garantir o futuro de um setor essencial para a economia e turismo locais, como é a restauração que vive momentos muito difíceis”.

“Com esta medida de apoio às refeições, o Município da Batalha procura amenizar as dificuldades sentidas pelas famílias batalhenses, dando-lhes a mão nestes tempos difíceis”, acrescenta o autarca local.

Por força do atual quadro socioeconómico, há famílias que viram reduzidos os seus rendimentos e outras até que perderam o emprego, originando situações de maior fragilidade e vulnerabilidade em termos financeiros e no plano social. Desde que esta situação pandémica teve início, o Município implementou, desde logo, um conjunto bastante diversificado de medidas, com o intuito de, por um lado, combater a pandemia e, por outro, minimizar os seus efeitos sobre as empresas e as famílias.

O programa de apoio às refeições e à restauração local terá o seu início esta esta semana, orientado para as famílias com rendimento “per capita” inferior ao Salário Mínimo Nacional (fixado em 665,00€) e que desejem beneficiar este apoio. Para tanto terão de proceder à sua pré-inscrição junto dos Serviços de Ação Social, através do email redesocial@cm-batalha.pt ou pelos telefones 244 769 110/961 385 570.

    Fonte: MB

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Ainda não há comentários nenhuns.