Edição: 245

Diretor: Mário Lopes

Data: 2021/4/19

Cristina Oliveira destaca ‘espírito pró-ativo’ do Município de Pombal

Delegada Regional de Educação do Centro visita obras de remoção de amianto na Escola Gualdim Pais

Visita a um dos telheiros novos

A Delegada Regional de Educação do Centro destacou o “espírito pró-ativo do Município de Pombal” que tem permitido que o concelho “apresente um conjunto de edifícios muitíssimos bons e de qualidade”. Cristina Oliveira visitou esta quinta-feira, 18 de março, a convite do presidente da Câmara Municipal, as obras de substituição das coberturas em fibrocimento na Escola Gualdim Pais.

Trata-se de uma intervenção no valor de 155 mil euros, financiada integralmente por fundos comunitários, no âmbito de uma parceria entre o Município e o Ministério da Educação, que permite remover 3.200 m2 de material com amianto.

Para a representante da Direção Geral dos Estabelecimentos Escolares (DGEstE) na região Centro, é mais um dos exemplos do “esforço muito grande” por parte do Município de Pombal ao assumir-se como “dona de uma obra, em património do Estado”, dentro das “contrapartidas financeiras magras, mas disponíveis, tendo apenas como exigência a qualidade do investimento”.

Cristina Oliveira referiu que o Ministério da Educação “tem procurado ser um parceiro do Município” indo ao encontro das expetativas locais. “Temos tido da parte do Município toda a colaboração, não só em projetos de natureza mais pedagógica, como também noutro tipo de projetos de requalificação, parcial ou total, pequenas ou grandes obras”, frisou.

O presidente da Câmara enalteceu a importância da realização daquela intervenção, há muito reclamada por toda a comunidade escolar, garantindo que se trata de uma empreitada executada com todas as condições de segurança. “Não há trabalhos de remoção de amianto com a presença de alunos no recinto da escola”, afirmou, adiantando que nessas ocasiões são executados outros trabalhos, como a colocação das telas de impermeabilização e as novas coberturas, conforme previstas no caderno de encargos.

Diogo Mateus adiantou que o Município está a avançar com a elaboração dos projetos de requalificação das escolas Gualdim Pais e Marquês de Pombal, resultado da “colaboração muito positiva com a DGEstE e numa articulação com as direções dos dois Agrupamentos de Escolas”.

A intenção é que quando o Município assumir a tutela do domínio físico das escolas, no âmbito da transferência de competências do Governo, tenha uma “noção exata daquilo que possam ser as necessidades de intervenção e os montantes de investimento, para ir conhecendo, também, os meios financeiros que possam estar à disposição”, garantindo que “estamos na linha da frente para concorrermos aos fundos comunitários se os houver”.

    Fonte: GC|CMP

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Ainda não há comentários nenhuns.