Edição: 246

Diretor: Mário Lopes

Data: 2021/5/18

Diretora Regional do Centro do ICNF visitou o concelho

Município investe mais de 2,3 milhões na defesa da floresta contra incêndios

Visita à floresta

O Município de Pombal investiu mais de 2,3 milhões de euros na defesa da floresta contra incêndios, desde 2013. Nesta segunda-feira, 12 de abril, o presidente da Câmara Municipal, Diogo Alves Mateus, teve oportunidade de demonstrar e evidenciar o investimento e o esforço municipal desenvolvido nos últimos anos naquele sector, durante uma visita da Diretora Regional do Centro do Instituto Nacional da Conservação e das Florestas (ICNF), Fátima Araújo Reis.

Trata-se de um investimento que materializa a prioridade que o Município tem conferido à defesa da floresta e à sua valorização ambiental, económica, social e cultural, tendo sempre em consideração a aptidão do território concelhio para esta finalidade.

Para além de conhecer o projeto das brigadas das Unidades Locais de Proteção Civil e de visitar o ponto de água de Defesa da Floresta Contra Incêndios (DFCI) da Pipa, bem como os trabalhos de beneficiação de abertura de caminhos florestais em curso na Freguesia de Abiul, Fátima Reis verificou na União de Freguesias de Santiago, São Simão de Litém e Albergaria dos Doze, as operações de gestão de combustível nos 10 metros paralelos à rede viária municipal.

Dos 2,3 milhões de euros investidos, um milhão de euros corresponde aos trabalhos de limpeza das faixas de gestão de combustível nos 10 metros paralelos à rede viária florestal municipal. Um trabalho realizado pelas Juntas de Freguesia no âmbito de acordos celebrados, Para este ano foram aprovadas ações de limpeza numa extensão de 154 kms, com uma área prevista de 305,2 hectares, num investimento de quase 245 mil euros.

O restante investimento diz respeito a outras ações de prevenção como o suporte das equipas de sapadores florestais, a realização de campanhas de sensibilização, apoio ao Grupo de Intervenção e Proteção de Socorro (GIPS), à Associação de Produtores Florestais de Pombal, às Brigadas Autárquicas de Voluntários, aquisição de máquina de rastos e viatura 4×4, abertura/ beneficiação de caminhos florestais, construção de pontos de água no âmbito da defesa da floresta contra incêndios, e realização da Feira Nacional da Floresta, entre outros.

Por outro lado, considerando a área geográfica do concelho e a vasta mancha florestal existente, prevê-se que seja aprovado no decorrer do 3º trimestre deste ano o Plano Municipal de Fomento da Floresta Autóctone, para um melhor ordenamento florestal, auxiliando a instalação de plantas florestais autóctones em detrimento de outras espécies e de maior combustibilidade e inflamabilidade.

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Ainda não há comentários nenhuns.