Edição: 246

Diretor: Mário Lopes

Data: 2021/5/18

PSD apresenta como desígnio “Batalha 2030"

PSD debate plano estratégico com empresários e apresenta Alfredo Matos como candidato à Assembleia Municipal

Alfredo Matos

O empresário Alfredo Monteiro de Matos, 64 anos e natural da Batalha, será o candidato à Assembleia Municipal e o técnico Nuno Augusto Silva Almeida, 44 anos, engenheiro civil e residente em São Mamede, foi também este sábado, 17 de abril, apresentado como futuro candidato a vereador para as áreas do urbanismo e licenciamentos, numa sessão dedicada ao debate do documento estratégico para o relançamento da economia e empregos locais, bem assim antecipar o programa de fundos europeus que se projeta até o ano de 2030.

“Esta iniciativa reveste-se de particular importância face à exigente tarefa que temos de enfrentar na fase pós-pandemia, onde a ação dos atuais autarcas e futuros candidatos deve estar articulado com os setores mais dinâmicos da economia”, esclarece Paulo Batista Santos, atual presidente da Câmara e recandidato à liderança da autarquia.

No decurso da sessão foram também apresentados os principais indicadores da gestão municipal, salientando-se a excelente saúde financeira da autarquia, cujo endividamento total nos últimos 8 anos foi reduzido em 31%, representando hoje apenas 2,1 milhões de euros, o valor mais baixo das últimas décadas, bem assim a autarquia da Batalha revela uma elevada eficiência na execução dos fundos europeus em termos da região Centro e do País.

Na visão estratégica para o futuro, o PSD apresenta como desígnio “Batalha 2030, um concelho competitivo, que cria emprego e gera riqueza; atrativo para viver, visitar e investir; conectado, ligado à Europa e ao mundo; e resiliente, capaz de se adaptar à mudança”.

Para este programa que antecipa 60 milhões de investimento no concelho da Batalha até 2030, o PSD concretiza como prioridades: 1) as pessoas primeiras: um melhor equilíbrio demográfico, maior inclusão, mais coesão; 2) Digitalização, inovação e qualificações como motores do desenvolvimento; 3) Transição climática e sustentabilidade dos recursos; e 4) Um território competitivo e coeso.

Como ações de referência já em curso, foram identificadas o desenvolvimento de um plano de recuperação local e de marketing territorial, que tem em vista a resposta mais urgente aos efeitos da pandemia e de promoção da atratividade do território, potenciando os setores mais debilitados e as respostas sociais de mitigação dos efeitos da crise; os trabalhos da alteração do Plano Diretor Municipal, envolvendo a valorização territorial das zonas urbanas e dos espaços rurais, contribuindo assim para a fixação de pessoas e empresas; e a otimização e digitalização dos serviços municipais, numa lógica de trabalho em rede, reconhecendo prioridade na melhoraria do licenciamento urbanístico e apoio às empresas.

Alfredo Monteiro de Matos, enquanto primeiro candidato à Assembleia Municipal, na sua intervenção sublinhou a “importância do investimento privado para o concelho e elegeu como prioridade municipal uma maior simplificação nos processos urbanísticos e a continuação de uma política de manter nos valores mínimos os impostos e taxas municipais, como estímulo às empresas e apoio às famílias”.

O atual presidente da Assembleia Municipal, Júlio Ribeiro Órfão, será o mandatário das listas candidatas do PSD no concelho da Batalha, “a quem expressamos o nosso maior reconhecimento pela honra e prestígio que confere à nossa candidatura e ao projeto que ambicionamos para o desenvolvimento do concelho da Batalha”, lembra André Loureiro, presidente do PSD da Batalha .

     Fonte:  PSD|Batalha

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Ainda não há comentários nenhuns.