Edição: 248

Diretor: Mário Lopes

Data: 2021/7/29

Visitantes convidados a fotografarem-se ao lado de duas figuras consagradas da cultura popular portuguesa

Bordalo Pinheiro e Zé Povinho já têm estátuas nas Caldas da Rainha

 

Zé Povinho ao lado do criador, numa das ruas mais movimentadas da cidade

Quem visitar as Caldas da Rainha já pode tirar uma fotografia com Rafael Bordalo Pinheiro. No ano de comemoração dos 175 anos do seu nascimento, a autarquia quis homenagear o consagrado artista português com uma estátua no centro da cidade, na Rua das Montras. Bordalo Pinheiro não está sozinho e tem a companhia de um dos seus personagens mais icónicos, Zé Povinho.

Esta é uma forma de “homenagear e divulgar este que é um artista incontornável da arte e da cultura portuguesas”, afirma Tinta Ferreira, presidente da autarquia. Desta forma a cidade tem mais um local de homenagem ao mestre ceramista.

A obra foi idealizada por Isabel Castanheira, livreira e grande conhecedora de Bordalo Pinheiro, e foi desenhada e conceptualizada pelo conceituado cartoonista António. A execução das estátuas em bronze ficou a cargo dos artistas caldenses Carlos Constantino e José Carlos Almeida.

Proporcionada pela autarquia, esta obra teve o custo de 65 mil euros. Com o crescimento do turismo na cidade e na região, o município acredita que esta será uma peça que muito dignifica Caldas da Rainha na sua atratividade e na homenagem ao seu maior artista, Rafael Bordalo Pinheiro.

A cidade das Caldas da Rainha é, desde 2019, cidade criativa da UNESCO de Artesanato e Artes Populares, e é hoje uma referência no panorama artístico, com um número crescente de ceramistas residentes, ateliers, espaços de formação e exposições.

Fonte: ADBDCommunicare

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Ainda não há comentários nenhuns.