Edição: 248

Diretor: Mário Lopes

Data: 2021/7/29

Alcobaça

Orquestra XXI e Ensemble Instrumental de Cantábria abrem a reta final do Cistermúsica

Ensemble Instrumental de Cantábria

Um dos melhores antídotos para os tempos que vivemos estão no Festival de Música de Alcobaça, que apresenta na Cerca de Mosteiro de Alcobaça mais um grande concerto sinfónico e proporciona a estreia em Portugal do Ensemble Instrumental de Cantábria (Espanha)

O Cistermúsica aproxima-se do final e à entrada daquele que será o seu penúltimo fim de semana traz-nos mais um conjunto de espetáculos obrigatórios dentro e fora do concelho de Alcobaça.

Antes dos grandes destaques, o festival informa que antecipou todos os espetáculos à noite para as 21h00 – inicialmente agendados às 21h30. A alteração decorre da entrada de Alcobaça na lista de concelhos com risco elevado de incidência de Covid-19 e das correspondentes medidas mais restritivas no setor da cultura.

Assim, precisamente às 21h00 do dia 23 de julho, sexta-feira, a Cerca do Mosteiro de Alcobaça recebe mais um grande concerto sinfónico pela Orquestra XXI com direção musical de Dinis Sousa. Pela primeira vez no Cistermúsica, esta orquestra reúne os mais conceituados jovens músicos portugueses a trabalhar nalgumas das melhores orquestras europeias e interpretará obras de Stravinsky, Wagner e Mozart.

Domingo, dia 25 de julho, também às 21h00, o Claustro D. Dinis do Mosteiro de Alcobaça acolhe, pela primeira vez em Portugal, o Ensemble Instrumental de Cantábria. Vindo de Espanha, este agrupamento traz-nos um programa dedicado aos 75 anos da morte de Manuel de Falla e conta com a direção musical de Esteban Sanz Vélez.

Mais uma vez, saltando as fronteiras do concelho de Alcobaça, o Cistermúsica continua com a sua Rota de Cister, apresentando no dia 24 de julho, às 21h30, no Mosteiro de Lorvão em Penacova, o agrupamento vocal Alma Ensemble com um programa dedicado a Josquin e os seus Contemporâneos em Portugal.

A caminho de encerrar mais uma edição em segurança, e cumprindo todas as regras da Direção-Geral de Saúde/Ministério da Cultura, o festival conta com o Alto Patrocínio de Sua Excelência o Presidente da República, o apoio financeiro da Direção-Geral das Artes, a parceria estratégica do Município de Alcobaça, a parceria institucional da Direção-Geral do Património Cultural/Mosteiro de Alcobaça, o mecenas BPI / Fundação “La Caixa”, a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa como patrocinador da programação Outros Mundos, o apoio à comunicação do Turismo Centro de Portugal e a Fundação Millennium como mecenas da Rota de Cister.

    Fonte: AMA

 

 

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Ainda não há comentários nenhuns.