Edição: 251

Diretor: Mário Lopes

Data: 2021/10/26

Walter Chicharro eleito para um terceiro mandato

PS mantém maioria absoluta na Nazaré, mas perde um vereador para a CDU

Sede da Câmara Municipal da Nazaré

O PS voltou a garantir a maioria absoluta nas eleições de 26 de Setembro, com Walter Chicharro a conseguir o seu terceiro mandato, conquistando 2.846 votos. O PSD, de Fátima Duarte, registou 1.784 votos e a CDU, liderada por João Delgado, conseguiu 906 votos, elegendo, após 36 anos, um vereador. Na Nazaré, a abstenção aumentou em relação a 2017, tendo registado nestas eleições uma percentagem de 55,42%. O novo executivo municipal da Nazaré será composto por 4 elementos do PS, 2 do PSD e 1 da CDU.

Em declarações ao Tinta Fresca, Walter Chicharro mostrou-se “feliz por ter visto o povo do nosso concelho a renovar a sua confiança em nós”, mas “preocupado com o aumento da abstenção”. O presidente da Câmara Municipal de Nazaré salientou que “mantemos uma maioria que nos permite governar com a estabilidade desejada” e que “nos vai permitir, já nos primeiros dois anos deste mandato, reduzir os impostos e taxas municipais”.

O edil desafiou ainda todos os novos eleitos “a trabalhar no futuro do nosso concelho” porque “são mais os pontos que nos unem do que os que nos separam e, acima de tudo, estamos todos focados em levar o nosso concelho mais longe”. Walter chicharro garantiu também que continuará “a liderar os destinos do concelho da Nazaré até que tenha terminado os objectivos a que me comprometi e até ao final do mandato”.

O Tinta Fresca ouviu também Fátima Duarte (PSD), que afirmou que “a população escolheu, apesar de ser uma escolha ingrata, a abstenção foi brutal, porque as pessoas estão desacreditadas da política”, garantindo, no entanto, que é um “resultado que respeito, é a vontade do povo”.

Por sua vez, João Delgado (CDU) referiu também ao nosso jornal que “é com grande satisfação que assistimos a esta histórica mudança”. João Delgado lembrou “a entrada de um vereador CDU no executivo”, a “vitória histórica em Valado dos Frades”, de Samuel Oliveira, que conquista pela primeira vez aquela Junta de Freguesia para a CDU, bem como “o aumento de 2 para 3 deputados na Assembleia Municipal” e “o reforço nas Assembleias de Freguesia da Nazaré e Famalicão”.

A vitória do PS contou com 2.846 votos, 44,90%; seguido do PSD com 1.784 votos, 28,15%; da CDU com 906 votos, 14,29%; do BE com 325 votos, 5,13% e do CDS-PP com 103 votos, 1,63%. Foram ainda registados 144 votos nulos, 2,27% e 230 votos brancos, 3,63%. A abstenção aumentou em relação a 2017, tendo-se cifrado nos 55,42%, não tendo votado 7.879 eleitores nazarenos.

Mónica Alexandre

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Ainda não há comentários nenhuns.