Edição: 258

Diretor: Mário Lopes

Data: 2022/5/17

Orçada em cerca de 600 mil euros

Centro Hospitalar do Oeste lança concurso para remodelação do Serviço de Urgência da Unidade de Torres Vedras

Serviço de Urgência Médico-Cirúrgica da Unidade de Torres Vedras

O Centro Hospitalar do Oeste, EPE lançou em 20 de janeiro de 2022 o concurso público para a realização da empreitada de remodelação do Serviço de Urgência Médico-Cirúrgica da Unidade de Torres Vedras, orçada em 572.411,00 € (acresce IVA à taxa legal em vigor) com um prazo de execução de 120 dias. A fase de receção de propostas irá decorrer até sexta-feira, 18 de fevereiro de 2022.

Este projeto prevê a ampliação da urgência para a zona do atual refeitório, aumentando a capacidade da sala de observação (S.O.) de 16 para 24 camas, sendo o refeitório transferido para um novo espaço.

Pretende-se criar uma estrutura mais funcional, coerente e segura, visando essencialmente aumentar os gabinetes de médicos, melhorar as áreas de espera no interior da urgência, aumentar o conforto e a segurança dos doentes e seus acompanhantes, dotar a triagem de dois gabinetes, dotar o serviço com uma sala de emergência com ligação direta ao exterior, permitindo uma maior rapidez no seu acesso e consequentemente uma maior rapidez na prestação de cuidados médicos.

A concretização destas obras de beneficiação, há muito aguardadas, irá permitir melhorar a qualidade de acolhimento, conforto e atendimento aos doentes que acorrem a esta Unidade Hospitalar, e prevenir as infeções hospitalares. Também os profissionais que diariamente exercem as suas funções neste Serviço irão ver melhoradas as suas condições de trabalho, com melhores instalações e equipamentos, que permitirão aumentar a capacidade de resposta à atividade do Serviço.

Em 2021, o Serviço de Urgência Geral da Unidade de Torres Vedras registou 45. 978 atendimentos.

O Conselho de Administração do Centro Hospitalar do Oeste antecipadamente compreende, solicita e agradece a colaboração da população utente relativamente aos constrangimentos que são inerentes à realização das obras, que uma vez concluídas contribuirão significativamente para a melhoria da qualidade do serviço de saúde à população.

O Centro Hospitalar do Oeste integra os hospitais de Caldas da Rainha, Torres Vedras e Peniche, tendo uma área de influência constituída pelas populações dos concelhos de Caldas da Rainha, Óbidos, Peniche, Bombarral, Torres Vedras, Cadaval e Lourinhã e de parte dos concelhos de Alcobaça e de Mafra.

    Fonte: GC|CHO

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Ainda não há comentários nenhuns.