Edição: 264

Diretor: Mário Lopes

Data: 2022/11/30

Fatura de eletricidade sobe de 3,1 para 9,6 milhões de euros

Município de Leiria vai usar saldo de 40,7 milhões para responder à crise energética e para investir

Sede da Câmara Municipal de Leiria

A Câmara Municipal de Leiria aprovou esta terça-feira, dia 8 de fevereiro, a introdução do saldo de gerência, no valor de 40,7 milhões de euros (ME), no orçamento do Município, uma verba que vai dar resposta ao drástico aumento de custos energéticos que o Município vai ter de suportar, fruto da atual crise, permitindo ainda dar continuidade a um importante conjunto de investimentos no concelho.

A proposta, que terá ainda de ser submetida a votação pela Assembleia Municipal, foi aprovada sem votos contra, tendo recebido votos favoráveis dos eleitos do PS e a abstenção dos eleitos do PSD, configurando uma redução de oito por cento face ao saldo de gerência do último exercício.

Uma das parcelas que regista um dos mais expressivos aumentos é relativa à fatura de eletricidade, que sobre de 3,1 para 9,6 milhões de euros, uma subida de 6.4 milhões de euros resultante da crise energética, verificando-se igualmente um acréscimo na aquisição de serviços de limpeza e higiene pública, com mais 2,8 milhões de euros, tendo o presidente da Câmara Municipal de Leiria, Gonçalo Lopes, anunciado que o Município vai avançar com medidas de contenção da despesa corrente, mas sem comprometer a prestação de serviço público de qualidade.

No que diz respeito à despesa de capital, destacam-se diversos investimentos que viram a dotação financeira reforçada, nomeadamente o Centro Associativo e de Negócios – Topo Norte do Estádio, a Bacia Hidrográfica do Rio Lis, a rede viária municipal, gestão de combustíveis, construção de ciclovias, mas também nas áreas do desporto e saúde, com um montante na ordem dos 15 milhões de euros.

Refira-se que o saldo de gerência resulta da diferença entre as importâncias arrecadadas e os pagamentos ocorridos durante o exercício económico de 2021, sendo que a sua introdução eleva o montante do Orçamento do Município de 93,1 para 133,8 milhões de euros.

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ainda não há comentários nenhuns.