Edição: 261

Diretor: Mário Lopes

Data: 2022/8/19

Evento celebra 20 anos e já começou

Festival Internacional de Chocolate de Óbidos celebra os “loucos anos 20” até 3 de abril

“Os loucos anos 20 é o tema de 2022

O Festival Internacional de Chocolate de Óbidos começou esta sexta-feira, dia 25 de março. Esculturas em chocolate, showcookings, música, cinema mudo e ateliês, entre muitas outras atividades, prometem animar a vila de Óbidos até 2 de abril.

Passaram 20 anos desde a primeira edição e, ao longo deste tempo, tem vindo a mostrar (quase) todas as potencialidades que as moléculas do cacau permitem, das mais doces às mais puras. Vinte anos que fizeram o festival crescer, desenvolver, maturar. Duas décadas a trazer esta preciosidade até ao público verdadeiramente apreciador do melhor ingrediente do mundo.

Contará com a curadoria do Chef Francisco Siopa, chef executivo de pastelaria no Penha Longa Hotel, e terá como sponsor oficial o Grupo Rolo. E porque passaram 20 anos desde a primeira edição do evento mais doce do País, em 2022 celebras os “loucos anos 20”. Os do século passado e os deste século.

Depois dos Loucos Anos 20 a vida nunca mais foi a mesma. Esta década do pós-guerra do século XX trouxe consigo tantas transformações e mudanças, à vida das pessoas e das comunidades, que passado um século sobre essa explosão de alegria e vitalidade, ela não pode ser ignorada nem esquecida.

Foi a época da música Jazz. Na dança apareceram novos registos como o charleston, o swing, o foxtrot e o tango. O tempo da Art Deco. Da grande expansão do cinema mudo e aparecimento do sonoro. Tempos de grande emancipação da mulher, com a substituição do espartilho pelo soutien, os vestidos curtos, o estilo de cabelo “à la garçonne” a poderem sair sozinhas, a irem ao cinema, aos restaurantes, aos cabarets e night clubs que também aparecerem nesta década.

O motor de explosão substituiu definitivamente a máquina a vapor. Foi a década da aviação comercial, da grande propagação do automóvel, do aparecimento da rádio, do telefone e do telégrafo. A luz elétrica mudou para sempre a vida urbana. O avanço na educação trouxe uma sociedade genericamente alfabetizada em oposição ao elitismo anterior. Na literatura apareceu o policial e o romance cor-de-rosa, surgindo ainda a Banda Desenhada (BD).

Chef Luís Tarenta

Inventou-se o turismo com a democratização das viagens de lazer, acessíveis agora às classes médias. A praia passou a ser uma opção de lazer também para a classe média. Aparece a prática do desporto generalizada com o futebol, o ciclismo, o boxe, o atletismo ou o automobilismo.

Este é também o tempo da teoria da relatividade, de Einstein, do início da prática da psicanálise por Siegmund Freud, e da invenção da Penicilina por Alexander Flemming, que foi um grande avanço na ciência e na medicina.

 

     Atividades em Permanência

Fábrica do Chocolate
[Praça de Santa Maria]

Esculturas de Chocolate
Exposição
[Óbidos Chocolate House – Rua Josefa de Óbidos]

Da Fava ao Chocolate Melgão
Produção de Chocolate e Esculturas ao Vivo
[Largo da Porta da Vila]

Moda com Chocolate
[Museu Abílio]

PWC Pop Up
Cocktails E Bebidas Com Chocolate
[Antigo Mercado]

Clássicos Anos 20
[Porta da Vila]

Marcas e Expositores
[Vila de Óbidos]

Animação
Funny Days
[Vila de Óbidos]

Consulte também o Programa do Festival

 

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Ainda não há comentários nenhuns.