Edição: 264

Diretor: Mário Lopes

Data: 2022/11/26

Na Unidade de Hemodinâmica

Centro Hospitalar de Leiria acolhe dia de formação prática especializada sobre ecografia intracoronária

Iniciativa formativa de carácter prático foi promovida pela Associação Portuguesa de Intervenção Cardiovascular

A Unidade de Hemodinâmica e Intervenção Cardiovascular (UHICV) do Hospital de Santo André (HSA), unidade de Leiria do Centro Hospitalar de Leiria (CHL), recebeu no dia 29 de março a formação especializada D@CL – Day at the Cath Lab, dedicada ao tema “Ecografia intracoronária – velha técnica para novos desafios”. Esta iniciativa formativa de carácter prático, promovida pela Associação Portuguesa de Intervenção Cardiovascular (APIC), juntou cardiologistas de intervenção do CHL e de 11 outras unidades hospitalares.

24 profissionais, entre médicos, técnicos e enfermeiros estiveram nesta formação na Unidade de Hemodinâmica do HSA para conhecer melhor uma técnica que existe há mais de 25 anos e que permite melhorar os resultados das intervenções, sobretudo as mais complexas, no âmbito das angioplastias coronárias.

De acordo com Jorge Guardado, coordenador da UHICV do CHL, «a ecografia intracoronária (IVUS) é uma ferramenta extremamente importante durante a intervenção coronária percutânea. Contudo, atualmente, apenas cerca de 2% das angioplastias são guiadas por IVUS».

A formação teve assim a finalidade de relembrar esta prática, para os jovens médicos aprenderem a realizar as intervenções recorrendo a esta técnica, «que representa um ganho de condição e de melhoria da intervenção. No Laboratório de Hemodinâmica do Hospital de Santo André a ecografia intracoronária é utilizada em cerca de 9,5% das angioplastias realizadas, o que para nós é motivo de satisfação», destacou Jorge Guardado.

Participantes na formação D@CL – Day at the Cath Lab dedicada ao tema “Ecografia intracoronária – velha técnica para novos desafios”

Este Day at the Cath Lab possibilitou a partilha de dicas e truques úteis na utilização da IVUS na prática clínica. De acordo com a APIC, o D@CL visa formar cardiologistas para práticas e dinâmicas, através da partilha de conhecimento de procedimentos inovadores e complexos num dia passado num laboratório de Hemodinâmica, em ambiente informal e prático.

«Este foi um dia muito profícuo para todos os participantes, quer ao nível do conhecimento, quer ao nível prático, em especial nos períodos de “hands on”, em que todos os profissionais envolvidos tiveram a oportunidade enfrentar as dificuldades e testar as suas capacidades», realçou Jorge Guardado.

A Unidade de Hemodinâmica e Intervenção Cardiovascular foi criada em 2010 e permitiu dotar o CHL de importantes recursos no domínio do diagnóstico e terapêutica das doenças cardiovasculares. Este serviço permitiu otimizar o tratamento dos doentes com enfarte agudo do miocárdio, permitindo inserir o Centro Hospitalar de Leiria na rede de referenciação para tratamento desta situação, desenvolvendo a Via Verde Coronária e, desse modo, tratando localmente e em tempo útil todos os doentes da região. Atualmente a equipa da UHICV conta com quatro médicos cardiologistas de intervenção, quatro enfermeiros e quatro técnicos de Cardiopneumologia.

  Fonte: Midlandcom

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ainda não há comentários nenhuns.