Edição: 258

Diretor: Mário Lopes

Data: 2022/5/19

Iniciativa pretende colmatar o rasto de destruição deixado pelo incêndio de 2017

GEOTA lança projeto para recuperar o Pinhal de Leiria com 650 mil árvores até 2025

Miguel Jerónimo é coordenador dos projetos Renature Leiria e Renature Monchique

Continuando o trabalho que tem vindo a ser feito no Renature Monchique, após o incêndio de Monchique de 2018, o GEOTA está a coordenar a nova iniciativa Renature Leiria. O projeto, que tem como objetivo devolver o verde ao Pinhal de Leiria com 650 mil árvores até 2025, já plantou 50 mil até ao momento, por uma equipa especializada, passado cinco anos do incêndio que consumiu a floresta durante 34 horas.

Miguel Jerónimo, coordenador dos projetos Renature Leiria e Renature Monchique, explica: “2017 ficou marcado pelos fogos que alastraram na Mata Nacional de Leiria e que queimaram cerca de 85% desta zona, afetando a comunidade e todo o ecossistema local. Pretendemos, com esta iniciativa, dar continuidade ao que temos vindo a fazer ao longo dos últimos três anos noutras regiões do País e agir perante a destruição deixada pelos incêndios. Queremos fazer parte da solução e acreditamos que reflorestar e preservar zonas que já foram, um dia, afetadas por fogos, tanto consequentes das alterações climáticas, como pelo impacto do homem. Deve ser um modelo a seguir. Além disso, todo o trabalho de sensibilização, que tem vindo a ser contínuo, é essencial.”

Fátima Reis, diretora Regional do Centro – Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas, recorda que “após o incêndio de 2017 o ICNF definiu um Plano de Intervenção na Área Ardida do Pinhal de Leiria que se encontra em execução. Em conjunto com o GEOTA foi possível delinear um conjunto de intervenções visando recuperar e rearborizar cerca de 520 hectares.”

“A One Tree Planted pretende reduzir a desertificação, restaurar as áreas desflorestadas e revitalizar os ecossistemas. O Renature Leiria é um projeto que estamos a financiar em Portugal como parte do nosso compromisso de criar ecossistemas saudáveis e de proteger as florestas de pinheiro. É também uma oportunidade para a comunidade local participar no restauro do seu território que foi gravemente afetado pelo incêndio de 2017”, finaliza Karl McGrory, Gestor de Florestas da Europa da One Tree Planted.

Desde janeiro, a equipa presente no terreno tem vindo a plantar pinheiro-bravo, mas outras espécies autóctones serão plantadas, como o pinheiro-manso, o medronheiro ou o sobreiro, de forma a criar uma floresta mais biodiversa e resiliente a futuros incêndios e a assegurar um desenvolvimento sustentável da Mata Nacional de Leiria. Até 2025, o Renature Leiria prevê plantar 650 mil árvores.

Esta iniciativa resulta de uma parceria entre o GEOTA, a One Tree Planted e o ICNF e tem como objetivo devolver o verde ao Pinhal de Leiria. O primeiro projeto “Renature” nasceu na Serra de Monchique, após o incêndio de 2018, e conta com um balanço de 200 mil árvores autóctones plantadas, em colaboração com 60 proprietários, que aceitaram fazer parte da ação de plantação na serra algarvia.

 Fonte: TheSquare

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Ainda não há comentários nenhuns.