Edição: 258

Diretor: Mário Lopes

Data: 2022/5/19

Pedro Pimpão revelou intenção no festival “Descobre O Teu Interior”

Pombal prepara a criação de um Centro Local à Integração de Migrantes

Pedro Pimpão

A Câmara de Pombal tem estado a trabalhar em articulação com o Alto Comissariado para as Migrações no sentido de ser criado no concelho um Centro Local de Apoio à Integração de Migrantes (CLAIM). O anúncio foi feito pelo presidente da autarquia, Pedro Pimpão, no âmbito do festival “Descobre o Teu Interior”, promovido pela associação Gerador.

Na conversa sobre “Os imigrantes e o futuro do interior”, na qual participaram também a ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho, e a presidente da Associação Cap Magellan, Anna Martins, o presidente da Câmara enalteceu a importância de o país dever “abraçar a imigração com entusiasmo”, criando condições para que “mais imigrantes se fixem no território.”

Pedro Pimpão deu como exemplo o acolhimento de nómadas digitais, já que “existem condições para que as pessoas possam trabalhar desde o nosso território para qualquer parte do mundo.”

Sublinhou igualmente a estratégia municipal em acolher, cada vez melhor, as pessoas que escolhem o território para se fixarem. Até porque, “Pombal é um território que, em termos de acessibilidades, é central no país, mas também porque tem várias ofertas turísticas, culturais, desportivas, de saúde”, proporcionando-lhes conforto e bem-estar.

No entender de Pedro Pimpão, o futuro CLAIM passará a ser “mais uma condição para que as pessoas que escolham o nosso território se sintam bem.”

Os CLAIM são gabinetes/ espaços de acolhimento, informação e apoio que têm como missão apoiar todo o processo de acolhimento e integração de pessoas migrantes, articulando com as diversas estruturas locais, e promovendo a interculturalidade a nível local. Estes serviços prestam apoio e informação geral em diversas áreas, tais como, regularização, nacionalidade, reagrupamento familiar, habitação, retorno voluntário, trabalho, saúde, educação, entre outras questões do quotidiano.

Defendendo que “temos de estar todos empenhados em reter talento, não só o talento que promovemos no nosso país, mas também cativar talento estrangeiro”, o presidente da Câmara de Pombal considerou que “é necessário aumentar os recursos das autarquias para que possam desenvolver projetos de integração e inclusão de imigrantes”, bem como iniciativas do ponto de vista económico para “termos mais empresas com mão-de-obra qualificada para sermos mais atrativos.”

“Falta continuar a dar a conhecer ao mundo inteiro o potencial do nosso país para atrair trabalhadores e para atrair investimento económico”, disse, frisando que “temos muitos emigrantes que pretendem regressar ao nosso país para investir”, daí que é importante que “continuemos a participar em fóruns internacionais, com foco principal na rede lusófona.”

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Ainda não há comentários nenhuns.