Edição: 258

Diretor: Mário Lopes

Data: 2022/5/19

Funicular vai ligar a Praia à Pederneira por transporte por cabo

Câmara da Nazaré aprova anteprojeto de execução do Funicular da Pederneira

Vista aérea da futura ligação por cabo entre a Praia da Nazaré e a Pederneira

O anteprojeto de execução do Funicular da Pederneira foi apresentado, no dia 26 de abril, em reunião de Câmara, para aprovação, o passo que o deixa em condições para ser candidatado a financiamentos comunitários.

“Trata-se de uma obra estruturante”, disse Walter Chicharro, acrescentando que se trata de “uma obra que vai marcar o futuro do concelho da Nazaré, em particular da Pederneira.”

O autarca explicou que “este anteprojeto é o que é minimamente necessário para candidatura a fundos europeus. Tem vindo a ser debatido junto de várias entidades, designadamente da CCDR Centro e será alvo de constante acompanhamento e reavaliação durante a sua construção” para que todas as vertentes estejam asseguradas, designadamente a segurança.

Com o ascensor que liga a Praia da Nazaré e o Sítio a liderar o ranking dos transportes por cabo mais usados no país, segundo dados do IMT – Instituto da Mobilidade e dos Transportes, Walter Chicharro acredita que o futuro funicular da Pederneira é, desde já, um forte “candidato ao segundo lugar” do mesmo estudo.

Futura estação do funicular da Pederneira

Este projeto de ligação da Praia à Pederneira por transporte por cabo surge no âmbito do PMUS – Plano de Mobilidade Sustentável da vila da Nazaré.

Tem, entre as suas finalidades, contribuir para uma vila carbono zero, com a aposta nos transportes públicos, bicicleta e andar a pé; contribuir para a humanização do território; contribuir para a inclusão (dando a oportunidade a todas as pessoas); contribuir para a mobilidade urbana e coesão territorial (dois patamares que vão aplanar – a Pederneira e a praia da Nazaré); valorizar a Pederneira e a sua conectividade residencial, comercial e turística.

Paula Teles, da MPT na empresa mobilidade e planeamento do território encarregue deste projeto, acredita na “importância que o funicular terá no futuro da Nazaré” e em todo o trabalho que vindo a ser desenvolvido para a implementação da mobilidade urbana sustentável.

“Há poucos municípios que planeiam as vilas/cidades no seu conjunto e a Nazaré é um dos bons exemplos, com uma visão ampla de planeamento de um território inclusivo, para todos”.

Sobre o projeto do Funicular, empresa explica que o desenho da estação à Pederneira representa “a viagem no tempo e na paisagem da Nazaré”.

“Representa a viagem entre a proximidade dos costumes e de quem percorre as ruas apertadas da vila para uma nova modernidade. Neste ponto de charneira e transição, o volume que se apresenta convida-nos a uma visão periférica da vila como se de um farol se tratasse sobre o anfiteatro da Nazaré. O funicular funciona assim como a cápsula de fonte luminosa, inverte a projeção de luz a longa distância, para ser ele próprio a transportar essa luz numa nova experiência que finda na Pederneira. Esta estação procura, estrategicamente, ligar este cais de embarque conectando diretamente os fluxos pedonais do centro urbano (à cota baixa) com o miradouro da Pederneira (à cota alta), assumindo-se como uma nova referência (“farol”) na malha urbana da Nazaré. É um novo FAROL que vai nascer e que vai iluminar as ondas gigantes a partir da Pederneira”.

   Fonte: SM|GCI|CMN

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Ainda não há comentários nenhuns.