Edição: 258

Diretor: Mário Lopes

Data: 2022/5/19

Através do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Santarém

Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil aciona operação “Fátima 2022”

Santuário de Fátima

A Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), através do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Santarém, aciona esta quinta-feira, dia 12 de maio, a Operação “Fátima 2022”.

A Operação “Fátima 2022” tem a duração de 2 dias, no decurso dos quais será assegurada a prestação de assistência e socorro aos milhares de peregrinos que se deslocam ao Santuário de Fátima para as cerimónias religiosas.

Esta operação tem como missão aumentar a capacidade e rapidez de intervenção dos dispositivos que materializam o Sistema Integrado de Operações de Proteção e Socorro (SIOPS) e o Sistema Integrado de Emergência Médica (SIEM), bem como, assegurar uma coordenação institucional efetiva e permanente no âmbito das estruturas de proteção civil; garantir a mobilização, prontidão, empenhamento e gestão do emprego dos meios e recursos de proteção e socorro e antecipar as capacidades de reforço especializado, através de pré-formatação e pré-posicionamento de meios e recursos e efetivar uma matriz de planeamento flexível que adote uma metodologia operacional que permita minimizar o impacto do grande afluxo de cidadãos aos locais de celebração.

Nesta operação participam cerca de 300 operacionais, provenientes dos vários Corpos de Bombeiros do distrito de Santarém (CBV de Alcanede, CBV de Pernes, CBV de Vila Nova de Ourém, CBV de Vila Nova da Barquinha, CBV Torrejanos, CBV de Samora Correia, CBV de Abrantes,  CBV de Rio Maior, CBV de Minde, CBV de Mação, CBV da Golegã, CBV de Ferreira do Zêzere, CBV de Fátima, CBV do Entroncamento, BM de Coruche, CBV de Constância, CBV da Chamusca, CBV de Caxarias, CBV de Benavente, CBV de Salvaterra de Magos, CBV de Almeirim, CSB de Santarém, BM de Tomar, BM de Sardoal, BM do Cartaxo, BM de Alpiarçae BM de Alcanena). Participam também na Operação “Fátima 2022” os Corpos de Bombeiros de Mira de Aire, Juncal, Porto de Mós e Batalha, do distrito de Leiria.

Concorrem igualmente para esta operação o Serviço Municipal de Proteção Civil de Ourém, a Força Especial de Proteção Civil da ANEPC, o Instituto Nacional de Emergência Médica, a Cruz Vermelha Portuguesa, a Guarda Nacional Republicana e o Corpo Nacional de Escutas, além de outras entidades civis e religiosas, nomeadamente a Associação de Servitas de Nossa Senhora de Fátima e o Agrupamento do Centro de Saúde do Médio Tejo.

Na operação “Fátima 2022” deste ano, é importante destacar o apoio da VOST Portugal que desenvolveu, no âmbito da parceria que tem com a ANEPC,  uma ferramenta de apoio à decisão, que irá ser usada durante o evento, e que permite obter informações em tempo real,  bem como enviar informações aos peregrinos via um canal de Telegram criado para o efeito (https://bit.ly/fatima_2022), em estreita colaboração com a Comissão de Apoio aos Peregrinos a Pé, coordenada pelo Movimento Mensagem de Fátima, da qual a ANEPC é parte integrante.

Neste momento, a plataforma monitoriza mais de 50 grupos de peregrinos, em tempo real, permitindo uma melhor gestão dos fluxos nos postos de apoio espalhados pelo país.

Além desta ferramenta de apoio à decisão, foi disponibilizado um mapa interativo para apoio aos peregrinos com informação dos postos de apoio, bem como dos serviços que os peregrinos podem usufruir nos mesmos, e que pode ser consultado aqui: https://mmfatima.pt/peregrinos-a-pe/.

A ANEPC assegura, no âmbito do Sistema Integrado de Operações de Proteção e Socorro, o Comando Operacional de todas as forças e entidades que integram este dispositivo, tendo instalado para o efeito o Posto de Comando Operacional (PCO) no Colégio de São Miguel, em Fátima, Rua D. João Pereira Venâncio.

Informações adicionais sobre a Operação “Fátima 2022” podem ser obtidas junto do PCO ou através de contacto direto para o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Santarém (243 594 240).

 Fonte: CDOS|Santarém

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Ainda não há comentários nenhuns.