Edição: 259

Diretor: Mário Lopes

Data: 2022/6/27

Projeto Educativo Europeu ‘Let´s Take Care Of The Planet’ |

Jovens de Alcobaça, Benavente, Ferreira do Zêzere e Santarém participam na Conferência Nacional de Jovens

Cartaz

Com coordenação da Associação Portuguesa de Educação Ambiental (ASPEA) decorre nos dias 13 e 14 de junho, em Lisboa, a Conferência Nacional de Jovens, que reunirá 32 delegados em representação de 7.500 alunos participantes no projeto, entre os 13 e 16 anos, oriundos das localidades de Maia, Aveiro, Sever do Vouga, Benavente, Alcobaça, Santarém, Ferreira do Zêzere, Amadora e Silves, com o objetivo de debater, no seio da comunidade estudantil, diferentes temáticas ambientais. Esta Conferência Nacional de Jovens decorre no âmbito do projeto educativo europeu ‘Let’s Take Care Of The Planet’ [Vamos Cuidar do Planeta!].

“Este projeto assenta em princípios e objetivos definidos nas Estratégias Nacionais de Educação Ambiental e de Educação para a Cidadania, visando a formação humanística dos alunos, trazendo-os para o espaço público e político. É, na verdade, mais do que um projeto educativo. É, sim, um compromisso para com os valores de responsabilidade individual e um compromisso coletivo para com o nosso Planeta”, declara o presidente da ASPEA, Joaquim Ramos Pinto.

A par de anos anteriores, o programa da Conferência Nacional de Jovens tem duração de dois dias.

No primeiro dia, 13 de junho, os estudantes têm encontro marcado no Instituto Superior de Agronomia, na Tapada da Ajuda, em Lisboa, onde pelas 11h00, iniciam apresentação de projetos elaborados que abordam problemáticas ambientais.

A comunidade estudantil vai ainda, neste dia, poder participar em Oficinas Rotativas. A saber: “Oficina de Educomunicação”, na qual vão ser exploradas ferramentas de estímulo à criatividade e capacidade de trabalhar em grupo para resolver problemas; oficina “Pensar Glocalmente”, uma oficina que alerta para a importância do papel ativo que cada um pode desempenhar tendo em conta a aproximação e encontro de culturas e identidades locais. Por fim, a “Oficina Teatro e Política” explora a linguagem teatral enquanto ferramenta para dar voz às comunidades.

O primeiro dia da conferência vai, ainda, ficar marcado por uma ação de natureza política: os jovens participantes vão, em conjunto, redigir uma Carta de Corresponsabilização e Manifesto Político “A voz dos jovens como parte da solução” sobre aquelas que são as suas preocupações e ambições ambientais quanto ao país e Mundo.

A entrega da Carta de Corresponsabilização será efetivada no segundo dia de programa, 14 de junho, com os jovens estudantes a ser recebidos, pelas 13h30, por deputados da Comissão de Educação e Ciência, na Assembleia da República, em Lisboa.

Neste ato marcam presença, refira-se, representantes do Partido Socialista (PS), Partido Social Democrata (PSD), Chega (CH), Iniciativa Liberal (IL), Partido Comunista Português (PCP) e o Bloco de Esquerda (BE).

“Ouvir e integrar as opiniões dos jovens nos processos de decisão ao nível das políticas públicas de âmbito local, nacional e europeu é uma mais-valia que devemos acolher e não desvalorizar. Num momento em que o planeta Terra vive já a crédito ambiental, os jovens de hoje são a esperança num futuro, e sociedades, ambientalmente sustentáveis”, frisa o presidente da associação Joaquim Ramos Pinto.

Em representação da rede de escolas que integram o projeto ‘Vamos Cuidar do Planeta!’, um grupo de alunos será recebido no Palácio de Belém, “onde terão a oportunidade de entregar a Carta de Corresponsabilização e Manifesto Político”, explica o responsável.

O projeto educativo europeu ‘Let’s Take Care Of The Planet’ [Vamos Cuidar do Planeta!], traz “ao espaço público e político a voz dos jovens como parte da solução, e ao mesmo tempo, reforça a cultura cívica de jovens em idade escolar”, frisa o presidente da ASPEA.

Joaquim Ramos Pinto enaltece e felicita a “motivação e entusiasmo dos jovens na procura de respostas às suas preocupações ambientais e o esforço por encontrar soluções”.

O presidente da ASPEA espera poder “ver contempladas algumas das propostas dos jovens em iniciativas parlamentares como forma de reconhecer o papel dos jovens nos processos de decisão”.

A Conferência Nacional de Jovens realizar-se-á contando com presença na sessão de abertura de representantes das entidades oficiais: Associação Portuguesa de Educação Ambiental (ASPEA); Instituto Superior de Agronomia (ISA), Agência Portuguesa do Ambiente (APA); Direção Geral de Educação (DGE); Direção Geral dos Estabelecimentos Escolares (DGESTE) e Instituto da Conservação da Natureza e Florestas (ICNF).

Mais informações disponíveis em: https://aspea.org

     Sobre a ASPEA

A Associação Portuguesa de Educação Ambiental (ASPEA) é uma organização não-governamental de ambiente (ONGA), fundada em 1990, que conta já com 30 anos de experiência na sensibilização ambiental, formação e capacitação, consultoria e desenvolvimento de projetos e programas de Educação Ambiental em diversas temáticas do ambiente e sustentabilidade, para um vasto leque de atores e públicos, nas formas de ação educativa formal, não-formal e informal. A ASPEA tem a sua sede em Lisboa e núcleos em Aveiro, Braga, Bragança, Viseu e Açores.

   Fonte: ASPEA

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Ainda não há comentários nenhuns.