Edição: 261

Diretor: Mário Lopes

Data: 2022/8/13

Após obras de requalificação de 267 mil euros

Antigos Paços do Concelho da Lourinhã abrem com serviços de Emprego e Atividade Turística

Antigos Paços do Concelho da Lourinhã

O município da Lourinhã informou esta segunda-feira, dia 26 de junho, que o Gabinete de Inserção Profissional (GIP), o Gabinete de Apoio ao Empresário da Lourinhã (GAEL), o Gabinete de Apoio ao Emigrante (GAE) e os serviços de Desenvolvimento Turístico, do município, se encontram a funcionar desde hoje nas novas instalações do Antigo Edifício Sede dos Paços do Concelho, na Praça Marquês de Pombal, nº 11, vila da Lourinhã.

O horário de funcionamento ao público é de segunda-feira a sexta-feira, das 10 horas às 12h30 e das 14 horas às 16h30. O edifício foi inaugurado no dia 24 de junho, no âmbito das Celebrações do Dia do Concelho, após ter sido alvo de obras de reabilitação integral, com recurso ao financiamento do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER), num total de 266.566,48 EUR e verbas do município, que perfazem 47.041,14 EUR.

Foi realizada especial intervenção na cobertura e fachadas, cujas características arquitetónicas e todos os elementos foram recuperados, valorizados e preservados, apresentando ainda uma melhoria nas acessibilidades e na gestão, que passa a ser sustentável.

Sessão evocativa do Dia do concelho

O município da Lourinhã promoveu, na manhã de 24 de junho, a habitual Sessão Evocativa do Dia do Concelho, que teve início às 09h30, em frente à Câmara Municipal, onde foi tocado o hino nacional, pela Banda da Sociedade Lírica Moitense, Banda da Associação Musical e Artística Lourinhanense e Banda da Associação Musical da Atalaia e o hino alemão, pela Banda Filarmónica de Bad Liebenzell.

Às 10h15, os convidados seguiram para o Salão Nobre do edifício sede da Câmara Municipal da Lourinhã, tendo a sessão prosseguido com a transmissão do novo vídeo promocional do concelho, cuja marca é a assinatura Pegadas com História, que evidencia, não só as pegadas de dinossauros mas, essencialmente, “as pegadas de todos os que pisaram este solo, nos longos anos de história que o território guarda e preserva”.

Seguiram-se os discursos dos membros da Assembleia Municipal, concretamente PCP, Chega, CDS, PSD e PS e, posteriormente, o discurso do presidente do Comité das Geminações, Gunther Wallburg e o discurso de Roberto Chiari, presidente da Câmara Municipal da Bad Liebenzell.

De seguida, discursou Brian Silva, presidente da Assembleia Municipal da Lourinhã, que recordou os difíceis dias de guerra contra um inimigo invisível, a Covid-19, que vitimou familiares e amigos e que demonstrou “o quão frágeis somos e que as batalhas só podem ser vencidas com a colaboração de todos e a importância da união das famílias nestes momentos”. Prosseguiu, enaltecendo a importância das instituições, organizações governamentais e municipais, associações e empresas do concelho e vilas geminadas com a Lourinhã, desejando que “desfrutem desta semana para fortalecer a relação institucional que queremos continuar a manter”. Continuou, enumerando os setores empregador e económico do concelho, fazendo especial referência à “Aguardente da Lourinhã, que, desde 1992, é Região Demarcada de Aguardente Vínica de Qualidade com a Denominação de Origem Controlada Lourinhã”.

Prosseguiu, felicitando o Museu do GEAL pelo seu aniversário e todos os autarcas pelo serviço de proximidade que estabelecem com os munícipes, trabalho também desempenhado pela Assembleia Municipal da Lourinhã. Invocou a necessidade “urgente, (de se) avançar para a construção do novo Hospital do Oeste (…) que também garanta as melhores condições de trabalho dos profissionais de saúde e seus utentes em proximidade”. Por fim, agradeceu a todos os que têm contribuído para a integração de cidadãos russos e ucranianos, assim como aos funcionários da autarquia pelo trabalho que têm despenhando em prol do serviço público.

A sessão prosseguiu com o discurso do presidente da Câmara, João Duarte de Carvalho, que começou por agradecer a presença dos convidados e a atenção de todos os lourinhanenses que estavam a acompanhar os trabalhos, através das redes sociais do município. Prosseguiu, dando nota da amizade existente entre as populações da Lourinhã e das vilas geminadas “respeitando os valores da partilha, certos de que os laços se estreitam e que sabemos potenciar as relações, quer culturais quer económicas”.

O autarca assinalou que, “nos tempos que correm, o reencontro constitui-se de enorme relevância na afirmação de uma Europa forte e coesa, reforçando a democracia e potenciando a paz, evidenciando a importância estratégica das parcerias nas mais diversas áreas (…)” e salientou que muito se deve aos profissionais de saúde que, através do seu trabalho de combate à pandemia, permitiram que a normalidade fosse retomada e que os encontros ali vividos se tornassem possíveis.

João Duarte de Carvalho informou, na sequência, que “reivindicamos junto da administração central a necessária e urgente melhoria das condições de acesso à saúde de toda a população, para que o maior número de lourinhanenses tenha médico de família”, dando ainda nota de que tem vindo a reunir com os responsáveis pela saúde e ação social do governo, de forma a coordenar o processo de descentralização de competências nessas áreas e que, só as aceitará se forem acompanhadas pelo respetivo suporte financeiro. Indicou ainda que, no que toca às acessibilidades ao concelho, “temos vindo a reivindicar por verdadeiras alternativas ou variantes à Nacional 8-2, permitindo aproximar a Lourinhã das vias de comunicação principais de forma a escoar os nossos produtos e a reduzir tempos de viagem”.

Prosseguiu, focando o trabalho social desenvolvido pela autarquia, nomeadamente na área da saúde mental, através da criação Bolsa na área da saúde mental comunitária e as candidaturas a diversas linhas de financiamento, que permitiram diferentes obras de requalificação por todo o concelho ou a melhoria da eficiência energética, aumentando as condições de habitabilidade para as populações carenciadas. Ainda nesta área, destacou a Estratégia Local de Habitação, que tem como missão garantir o seu acesso universal, com vista à erradicação de situações de vulnerabilidade e promoção da reabilitação urbana e do edificado.

Sobre a crise de refugiados na Europa, decorrente da guerra na Ucrânia, deu nota do trabalho realizado pela autarquia, nomeadamente no que respeita a alojamento, alimentação, apoio na obtenção de documentação necessária, acesso a cursos de língua portuguesa, entre outros.

Continuou, informando que foi dado inicio à alteração ao Regulamento do PDM, cuja conclusão se prevê para o prazo máximo de 12 meses e que, nesse dia 24 de junho, a exemplo destes trabalhos, seria ainda inaugurado o antigo edifício dos Paços do Concelho, cuja requalificação terminou recentemente e que irá receber todos os serviços associados ao emprego, empresários, turismo e empreendedorismo, com vista à dinamização e promoção das atividades económicas do concelho.

A par do tema “emprego”, destacou o lançamento do site da Startup Lourinhã, que pretende dar a conhecer ao público as mais-valias que esta incubadora de empresas e prosseguiu para a atribuição das Medalhas Municipais de Mérito, Ordem Indústria, Classe Ouro, ao Grupo Louritex e ao Grupo Valouro. Justificou a escolha como sendo “o reconhecimento e uma justa homenagem a quem projeta a Lourinhã a nível nacional e internacional, potenciando o desenvolvimento económico e social do concelho e gerando inúmeros postos de trabalho, sem esquecer todos os feitos cívicos que, de forma abnegada, estas empresas realizam no concelho”.

Indicou ainda Gastão Elias que, por mérito desportivo, veria atribuída, também nesse dia, a Medalha Municipal de Mérito, Ordem Desporto, Classe Prata.

Relembrou o importante trabalho das associações e IPSS´s e o reconhecimento da autarquia, que se reflete num conjunto de apoios, tanto de âmbito logístico, como financeiro, materializados através de protocolos e contratos programa.

Sobre a candidatura do Aspiring Geoparque Oeste a Geoparque Mundial da UNESCO, reforçou a importância de a Lourinhã se projetar em escala, bem como o trabalho contínuo de desenvolver projetos no âmbito de redes nacionais e internacionais, em áreas ligadas à sustentabilidade e aos objetivos para o desenvolvimento sustentável, também ligadas ao turismo e aos produtos endógenos. Prosseguiu, dando nota da forte aposta no encaminhamento correto de resíduos, aumentando gradualmente as quantidades que são desviadas de aterro, contribuindo para uma economia circular, aumentando o tempo de vida dos materiais, políticas fundamentais para a sustentabilidade ambiental.

No que concerne à promoção do território, recordou as diversas feiras nacionais e internacionais onde a Lourinhã esteve presente, as quinzenas gastronómicas e a Rota dos Petiscos da Lourinhã, fruto de uma parceria com a ACIRO, os prémios que a plataforma Buy Lourinhã e o Centro de Interpretação da Batalha do Vimeiro ganharam e os eventos desportivos, de âmbito nacional e internacional, que a Lourinhã recebeu em 2022, concretamente o Trilho dos Dinossauros, o Campeonato da Europa e do Mundo de Freeride e o Campeonato Nacional de BodySurf.

Ainda sobre surf, destacou o trabalho que a autarquia tem desenvolvido com parceiros e voluntários locais, no que ao Surf Adaptado concerne.

Apontou ainda a realização de eventos culturais, como o Festival literário Livros a Oeste, o festival de música Sons na Areia e o habitual evento de Comemoração do Aniversário da Batalha do Vimeiro.

Na área da educação, enalteceu o trabalho que o projeto Aluno ao Centro tem desenvolvido, “tendo em vista o reforço da igualdade no acesso ao ensino e a melhoria do sucesso educativo dos alunos, bem como a capacitação dos encarregados de educação com a realização de conferências sobre temas atuais, convidando especialistas e intervenientes de reconhecido mérito académico e profissional”.

Destacou o trabalho dos funcionários, bem como o rigor financeiro que caracteriza a gestão do executivo municipal, indicando que “com rigor, trabalho, dedicação e empenho, conseguiremos desenvolver políticas complementares, de modo a garantir que este território continuará no caminho do desenvolvimento sustentável”.

Terminou, dizendo que o executivo se mantém determinado em efetuar política de forma positiva, sempre com o foco nas pessoas.

A cerimónia prosseguiu com o presidente da Assembleia Municipal e o presidente da Câmara a entregarem a Medalha Municipal de Mérito, Ordem Indústria, Classe Ouro, ao Grupo VALOURO, recebida por António Frade e Luís Frade, a Medalha Municipal de Mérito, Ordem Indústria, Classe Ouro, à empresa LOURITEX, recebida por José António Santos e António José Santos e a Medalha Municipal de Mérito, Ordem Desporto, Classe Prata, ao cidadão Gastão Elias, representado pelo pai, tendo gravado um agradecimento em vídeo.

A sessão continuou, com uma homenagem aos profissionais do Centro de Saúde da Lourinhã, pelo trabalho realizado durante a pandemia por Covid-19.

A cerimónia terminou com uma oferta de pequenos loureiros, pelo presidente da Assembleia Municipal ao presidente da Câmara de Bad Liebenzell e com a visita de todos os presentes ao “Espaço Galeria”, onde se encontram expostas fotografias de anteriores presidentes dos dois órgãos autárquicos: Câmara e Assembleia.

      Fonte: CL|GCI|CML

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Ainda não há comentários nenhuns.