Edição: 261

Diretor: Mário Lopes

Data: 2022/8/13

John Pizzarelli, Orquestra Filarmónica Portuguesa e Orquestra Metropolitana de Lisboa são alguns dos próximos destaques

Cistermúsica mergulha no melhor do jazz americano e das grandes orquestras

John Pizzarelli

O Cistermúsica — Festival de Música de Alcobaça segue imparável na sua odisseia e nos próximos dias prepara-se para navegar por alguns dos destinos mais ansiados da atual edição. O primeiro embarque desta imperdível viagem acontece já esta quinta-feira, dia 21 de julho, às 21h30, na Cerca do Mosteiro de Alcobaça, onde remará através das músicas intemporais de Nat King Cole, com o guitarrista de jazz John Pizzarelli ao leme de um tributo ao lendário músico americano. Oportunidade para ouvir uma seleção apurada dos temas mais famosos de Cole reinventados em palco pelo inimitável Pizzarelli.

No dia seguinte, a 22 de julho, às 21h30, a Cerca do Mosteiro de Alcobaça será também ponto de partida para mais um grande concerto pela Orquestra Filarmónica Portuguesa, sob a direção de Osvaldo Ferreira e com Vasco Dantas Rocha ao piano. Aí poderemos ouvir as obras Rapsódia sobre um tema de Paganini em lá menor, op. 43 de Sergei Rachmaninoff e Sinfonia Fantástica, op. 14 de Hector Berlioz, numa parceria com o Festival das Artes Quebra Jazz.

Sábado, dia 23 de julho, às 21h30, o Claustro da Hospedaria do Mosteiro de Alcobaça acolhe o GISBA – Grupo de Instrumentistas de Sopro da Banda de Alcobaça, com uma formação alargada de 12 músicos, que terá a direção de Rui Carreira e um programa dedicado a peças de António Victorino d’Almeida e David Maslanka. Fundado pelo Maestro Vítor Santos na década de 1990 — reunindo então alguns dos melhores músicos da Banda de Alcobaça —, este projeto revitalizado durante os últimos anos responde assim ao desafio para que foi criado: o de apresentar várias formações dedicadas à música de câmara.

Pedro Neves

Ainda nessa data, às 22h00, a programação Redes repete a sua parceria com o Município da Marinha Grande, levando o Quinteto Pedro & Mel ao Parque do Vale do Ribeiro em São Pedro de Moel. Nascidos em terras tropicais, Pedro Sáfara e Melissa Costa conheceram-se cantando e tocando pelas ruas da baixa conimbricense. Atualmente, estão em fase de pré-produção e gravação do primeiro disco de ambos no estúdio da Blue House em Coimbra, que contará com composições inéditas e autorais, sob a direção musical de Sérgio Costa.

No domingo, dia 24 de julho, às 19h00, a programação “Outros Mundos” estreia um novo espaço do monumento Património da Humanidade: o Montebelo Mosteiro de Alcobaça Historic Hotel. Guiados pelas mãos da harpista espanhola Angélica Salvi, entraremos aqui no universo da improvisação e da música contemporânea e eletroacústica, explorando técnicas de preparação e amplificação do instrumento na busca de novos timbres e sonoridades.

Pouco depois, às 21h30, de volta ao porto da Cerca do Mosteiro de Alcobaça, entra em cena a Orquestra Metropolitana de Lisboa, dirigida por Pedro Neves e com a presença do pianista João Xavier, vencedor do Concurso de Interpretação do Estoril em 2021, em mais uma parceira do Festival com esta importante competição nacional. Nesta apresentação, destacam-se composições de António Victorino d’Almeida, Ludwig van Beethoven e Serguei Prokofiev.

Bilhetes à venda em: https://blueticket.meo.pt/Tags/cistermusica

    Fonte: DM|GC|AMA

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Ainda não há comentários nenhuns.