Edição: 264

Diretor: Mário Lopes

Data: 2022/11/30

Chefe da Igreja portuguesa é natural de Torres Vedras

Associação dos Juristas Católicos manifesta confiança no Cardeal Patriarca após notícias de abusos sexuais de padres

D. Manuel Clemente

A Associação dos Juristas Católicos manifestou esta sexta-feira, dia 12 de agosto, plena confiança na pessoa e ministério do Cardeal Patriarca de Lisboa, D. Manuel Clemente.

“A Igreja portuguesa assumiu, com coragem, como nenhuma outra instituição na nossa Sociedade, a tarefa de conhecer os erros dos seus membros, expondo-se à dor que o amor à Verdade inevitavelmente carrega. Fê-lo pela exigência de reparar os danos causados às vítimas dos abusadores e pelo imperativo de purificar a sua ação em vista da missão de Amor que lhe está confiada”, sublinha.

Contudo, “para que a Verdade seja conhecida é necessário não a afogar em ruído estéril, confundindo o trigo com o joio e prejudicando a investigação dos acontecimentos e o apuramento das suas causas”, defende.

Para a Associação dos Juristas Católicos, “as peças jornalísticas que nos últimos dias têm sido notícia e que atingem o Senhor Cardeal Patriarca ofuscam em lugar de esclarecer, como deve ser missão do jornalismo. Tendo a atuação do Senhor Patriarca sido irrepreensível à luz das leis civis e canónicas, sendo o seu empenho notório na erradicação do mal objetivo dos abusos, as insinuações ferem pela sua injustiça e por confundirem, em lugar de contribuir para o apuramento da Verdade.”

A AJC realça que, no seu amor pela justiça, o Senhor Cardeal Patriarca tem sido sempre um grande entusiasta da Associação dos Juristas Católicos e dos seus fins, entre os quais se contam, de acordo com os seus Estatutos, o de “promover uma adequada e específica preparação espiritual e cultural dos juristas”, “divulgar a função do Direito na sociedade e a tomada de consciência pela opinião pública da importância dos valores que o informam”, e “auxiliar, através do estudo, o aperfeiçoamento da legislação a aplicação do Direito”. O apoio que a Associação sempre sentiu por parte do Senhor Patriarca é ilustrativo do seu empenho em que a sociedade seja mais justa e conforme com os valores do Direito.

Por essas razões, a Associação vem exprimir o seu reconhecimento ao Senhor Patriarca, natural de Torres Vedras, pelo seu incansável contributo em favor da verdade e da justiça, e manifestar a plena confiança na sua pessoa e no seu ministério.

D. Manuel Clemente tomou posse canónica do cargo a 6 de julho de 2013, como 17.º Patriarca de Lisboa.

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ainda não há comentários nenhuns.