Edição: 262

Diretor: Mário Lopes

Data: 2022/9/29

Após o afogamento de um banhista

Câmara Municipal de Leiria admite tornar Lagoa da Ervedeira em zona balnear com praia vigiada

Lagoa da Ervedeira

A Câmara Municipal de Leiria desconhece os motivos que levaram ao afogamento do cidadão brasileiro na Lagoa da Ervedeira, no dia 2 de agosto, apenas os relatos das pessoas que estavam no local e que assistiram ao afogamento. A edilidade adiantou ao Tinta Fresca que a Lagoa da Ervedeira não é uma zona balnear, nem uma praia vigiada, estando devidamente sinalizada nesse sentido e, por isso, não existe vigilância dos banhistas com presença de nadador-salvador.

Contudo, reconhecendo que a Lagoa da Ervedeira é um local de elevado interesse natural e turístico, sendo absolutamente crucial assegurar a proteção da Lagoa, da zona envolvente e, naturalmente, das pessoas que frequentam, está em análise a possibilidade de tornar este local em zona balnear com praia vigiada, ainda que não seja possível indicar quando estará o processo concluído e a sua viabilidade.

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Ainda não há comentários nenhuns.