Edição: 264

Diretor: Mário Lopes

Data: 2022/11/27

Alcobaça

Multidão vibrou com a atuação dos 250 figurantes na recriação da Batalha de Aljubarrota

Cavaleiros dos exércitos Português e Castelhano

250 figurantes, vestidos a rigor, participaram, no dia 14 de agosto, dia em que se comemoraram 637 anos da Batalha de Aljubarrota, na recriação da mesma, atraindo milhares de visitantes que vibraram com a atuação da Companhia Livre, com o apoio de muitas associações históricas, e onde participou também o conhecido ator Quimbé. O público participou ativamente na recriação com gritos de apoio a D. João de Portugal. Após a recriação da Batalha, todos os figurantes desfilaram em cortejo pelas ruas da vila de Aljubarrota. O Aljubarrota Medieval termina esta segunda-feira, dia 15 de agosto.

A vereadora da Cultura do Município de Alcobaça, admitiu ao Tinta Fresca estar muito satisfeita com o regresso do evento. Para Inês Silva, “este ano, o Aljubarrota Medieval tem um significado ainda mais forte, porque é a retoma para a freguesia de Aljubarrota que anseia pelo evento” havendo “aqui a recordação, a memória de uma Batalha simbólica para os portugueses, para a nossa nacionalidade. Uma Batalha que é didática, é a história ao vivo do nosso país”.

Durante o dia 15 de agosto, ainda pode visitar as ruas da vila e encontrar as tavernas com a sua gastronomia medieval; os acampamentos do século XIV; os torneios medievais a pé e a cavalo; os combates e justas; a animação itinerante e as artes de rua, com as suas danças e meneios e a música medieval ao vivo, entre outros.

Cortejo pelas ruas de Aljubarrota

A gastronomia medieval está a cargo de associações do concelho: Associação Cultural da Lameira: Centro Cultural e Recreativo do Carrascal; Associação Recreativa do Cadoiço; Santa Casa da Misericórdia de Aljubarrota; Porco Malhado de Alcobaça; Clube Recreativo dos Chãos e Agrupamento de Escuteiros 1318 Aljubarrota.

Aljubarrota Medieval é uma organização conjunta do município de Alcobaça e da Junta de Freguesia de Aljubarrota e conta com um orçamento 70 mil euros. O evento conta com o apoio da Companhia Livre, que está responsável por toda a animação do evento. A entrada é livre.

Dia 15 de agosto| Dia da Padeira de Aljubarrota

12h00 – Reabertura

13h00h às 24h00 – Acampamento recriando o quotidiano civil e militar do Séc., XIV, com mesteres de época e mostras de armas. Animação de rua, rábulas, música, dança, teatro, personagens populares e muita alegria.

17h00 – Casamento Medieval no largo N. Sra. dos Prazeres.

19h30 – Torneio de Armas por Brites de Almeida.

22h00 – Noite da Padeira de Aljubarrota – espetáculo na Liça

23h00 – Espetáculo de fogo na Liça

23h30 – Cortejo de Encerramento

24h00 – Encerramento

 

Mónica Alexandre

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ainda não há comentários nenhuns.