Edição: 264

Diretor: Mário Lopes

Data: 2022/11/30

Organizado pela Associação ZERO

Torres Vedras recebeu seminário dedicado à ação climática da União Europeia

Seminário “Os Governos Locais na Ação Climática da União Europeia”

O seminário “Os Governos Locais na Ação Climática da União Europeia” realizou-se no dia 30 de agosto, no Centro de Artes e Criatividade de Torres Vedras. Este seminário foi organizado pela Associação ZERO, no âmbito do Pacto Europeu para o Clima e do projeto “LIFE Unify”, com o apoio da Câmara Municipal de Torres Vedras e da Oeste Sustentável – Agência Regional de Energia e Ambiente do Oeste.

A sessão de abertura ficou a cargo da presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras, Laura Rodrigues, e da representante da Associação ZERO, Lília Alexandre.

Na ocasião, Laura Rodrigues destacou o compromisso do Município de Torres Vedras com a ação climática, o ambiente e a sustentabilidade, referindo que este é um “caminho que tem sido feito com muita entrega, não porque é preciso mas porque faz parte daquilo que é o nosso trabalho e da forma como nós olhamos para as nossas políticas públicas”. Este compromisso tem sido reconhecido a nível nacional e internacional, nomeadamente pelo “facto de termos sido cidade “Green Leaf” em 2015, uma distinção muito importante que deu visibilidade ao nosso trabalho”.

Lília Alexandre referiu que o projeto “LIFE Unify”, que decorreu entre setembro de 2019 e agosto de 2022, “teve como principal objetivo aumentar a ambição climática dos estados-membros da União Europeia, através da monitorização e avaliação dos progressos que já tinham sido realizados em dez estados-membros alvo”, entre os quais Portugal. O projeto têm ainda como objetivos orientar a aplicação nacional dos fundos europeus para a ação climática e promover a adoção de Planos de Ação Climática a nível municipal.

A presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras foi, ainda, a oradora do primeiro painel do seminário, com o tema “Porquê aderir ao novo compromisso de neutralidade para 2050?”. No segundo painel usou da palavra o presidente da Câmara Municipal de Loulé, Vitor Aleixo, que deu a conhecer o Conselho Local de Acompanhamento da Ação Climática de Loulé. A “Ação Climática e a Lei de Bases do Clima para os Municípios Portugueses” foi o tema do painel seguinte, que contou com a intervenção de Luís Costa, partner da Get2C.

O Plano de Ação Climática Lisboa 2030, que será liderado pela Lisboa E-Nov, foi o tema abordado por Eduardo Silva. A que se seguiu a intervenção da vice-presidente da Câmara Municipal de Guimarães, Adelina Paula Pinto, sobre “Guimarães na Missão 100 Cidades da União Europeia”.

O “Pacto dos Autarcas na prática – Compromisso de Adaptação, Mitigação 2030, Neutralidade 2050; mecanismos de financiamento; e processo de adesão” foi o tema do sexto painel, liderado por Petya Pishmisheva, do Pacto dos Autarcas. A sessão de encerramento ficou a cargo do presidente do Conselho de Administração da Oeste Sustentável – Agência Regional de Energia e Ambiente do Oeste, Ricardo Fernandes.

      Fonte: ACM|CMTV

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ainda não há comentários nenhuns.