Edição: 264

Diretor: Mário Lopes

Data: 2022/11/27

Conhecer a realidade da insuficiência cardíaca é o grande objetivo deste trabalho

Estudo Epidemiológico sobre Insuficiência Cardíaca na População Portuguesa abrange Torres Vedras e o Sobral

Conhecer o número de pessoas (prevalência) que sofrem de insuficiência cardíaca em Portugal e perceber quais as suas necessidades é o objetivo do estudo PORTuguese Heart failure Observational Study (PORTHOS) ou, em português, Estudo Epidemiológico sobre Insuficiência Cardíaca na População Portuguesa, que chega agora à região de Lisboa e Vale do Tejo. Palmela, Sesimbra, Torres Vedras, Sobral de Monte Agraço, Amadora, Alta de Lisboa e Sete Rios são as sete localidades selecionadas.

Promovido pela Sociedade Portuguesa de Cardiologia e pela AstraZeneca, em parceria com a Nova Medical School, o estudo PORTHOS inclui uma primeira fase na qual algumas pessoas destas localidades serão selecionadas e convidadas pelo telefone a participar no estudo. As pessoas que aceitarem participar serão depois convidadas a deslocar-se a uma unidade móvel, instalada num camião equipado com meios técnicos e humanos, onde serão submetidas a testes e exames que vão da colheita de sangue ao ecocardiograma.

A unidade móvel vai estar em Palmela a partir de dia 4 de novembro e seguirá depois para as seguintes localidades, até fevereiro do próximo ano.

A recolha de informação feita no decorrer deste estudo, que irá percorrer todo o País, contribuirá para um melhor planeamento e organização de cuidados e políticas de saúde nesta área.

     Fonte: GW

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ainda não há comentários nenhuns.