Edição: 264

Diretor: Mário Lopes

Data: 2022/11/27

Ministro da Economia abriu em Fátima o maior congresso da hotelaria nacional

Câmara de Ourém apela ao Governo para ser incluída nos preparativos da visita do Papa a Portugal em 2023

Luís Miguel Albuquerque

Decorreu esta quinta-feira, dia 17 de novembro, a Sessão de Abertura do 33.º Congresso Nacional da Hotelaria e Turismo, um evento de expressão nacional e internacional, a decorrer em Fátima, mais precisamente no grande auditório do Centro Pastoral Paulo VI.

O presidente da Câmara Municipal de Ourém destacou-se entre os convidados de uma Sessão de Abertura marcada pela presença do ministro da Economia e do Mar, António Costa Silva.

Luís Miguel Albuquerque agradeceu o convite e destacou a importância de acolher um evento desta dimensão no Concelho de Ourém. O autarca vincou um agradecimento especial à organização, reconheceu a importância do sector turístico para a Cidade de Fátima e para todo o Concelho de Ourém e garantiu que o Município vai continuar a trabalhar em conjunto com o sector hoteleiro no sentido de captar mais eventos e investimentos para o território oureense.

Luís Miguel Albuquerque lança apelo ao Governo

Aproveitando a presença do Ministro da Economia e do Mar, Luís Miguel Albuquerque apelou à inclusão de Ourém no rol das autarquias envolvidas na preparação das Jornadas Mundiais da Juventude, que vão decorrer de 1 a 6 de agosto de 2023. Isto porque este evento trará a Lisboa Sua Santidade, o Papa Francisco, que já confirmou oficialmente a intenção de visitar o Santuário de Fátima em agosto do próximo ano.

“Apelo ao Senhor Ministro da Economia e do Mar que transmita ao Governo e a quem mais de direito, a preocupação do Município de Ourém e do próprio Santuário de Fátima. Estamos a menos de um ano da visita de Sua Santidade e continuamos à margem dos preparativos. Sabemos que o Governo está a trabalhar com outras autarquias envolvidas, como Lisboa e Loures, por exemplo. Ourém também tem de ter voz ativa neste processo, para que possamos estar preparados para receber Sua Santidade e, sobretudo, os milhões de visitantes que virão a Fátima no âmbito desta visita papal”, vincou o Presidente da Câmara Municipal de Ourém.

Ministro da Economia e do Mar toma nota e concorda

António Costa e Silva

Perante o apelo, Costa Silva foi taxativo. “Tomei nota da preocupação aqui manifestada pelo Presidente Luís Albuquerque e reconheço que o Município de Ourém tem de ser incluído nestes preparativos. Temos de trabalhar todos juntos neste processo. Portugal tem uma grande vantagem sobre a grande maioria dos países: a questão da segurança. Somos um país seguro para quem aqui vive e para quem nos visita. A propósito das Jornadas Mundiais da Juventude, sabemos que está prevista a chegada de cerca de 1,2 milhões de pessoas, num espaço de poucos dias. Temos de estar bem preparados, precisamente para que tudo decorra em segurança e possamos continuar a ser reconhecidos como um destino seguro”, reconheceu o Ministro do Mar e da Economia.

A Sessão de Abertura abriu com uma nota de boas vindas por parte de Bernardo Trindade, presidente da Associação dos Hoteleiros de Portugal. E nela também tomaram a palavra o Reitor do Santuário de Fátima, Carlos Cabecinhas, o presidente da Confederação do Turismo Português, Francisco Calheiros, e o presidente da Entidade Regional de Turismo do Centro de Portugal, Pedro Machado.

Em representação de Ourém

O evento em curso representa o maior congresso do sector hoteleiro alguma vez realizado em Portugal. Pela importância do momento, Ourém fez-se representar ao mais alto nível.

A vice-presidente da Câmara, Isabel Costa, e a Vereadora Micaela Durão, acompanharam o Chefe do Executivo Municipal. João Moura, Presidente da Assembleia Municipal de Ourém e Deputado da Nação, também marcou presença, assistindo à Sessão de Abertura na companhia do presidente da Junta de Freguesia de Fátima, Humberto Figueira da Silva.

A projetar a imagem do Concelho

O Município de Ourém fez questão de se associar à realização deste congresso, aproveitando o mesmo para divulgar e projetar a imagem do Concelho de Ourém. Além de ter colaborado ativamente na preparação deste evento, conseguiu incluir, por exemplo, uma visita à Vila Medieval e ao Castelo de Ourém no programa.

A propósito, o Município está a promover a Ucharia do Conde e inúmeros produtos endógenos da nossa região, em pleno Centro Pastoral Paulo VI, local de passagem para as centenas de congressistas presentes neste evento.

 Fonte: AA|GIC|CMO

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ainda não há comentários nenhuns.