Edição: 281

Diretor: Mário Lopes

Data: 2024/4/18

Bastonário da Ordem dos Psicólogos participou na nomeação da nova diretora

Joana Correia é a nova diretora do Serviço de Psicologia Clínica do Centro Hospitalar de Leiria

Francisco Miranda, Licínio de Carvalho, Paulo Cunha e Joana Correia

O Bastonário da Ordem dos Psicólogos, Francisco Miranda Rodrigues, participou na nomeação oficial da diretora do Serviço de Psicologia Clínica do Centro Hospitalar de Leiria (CHL), Joana Correia, que firmou no dia 9 de dezembro, o termo de posse por três anos na liderança no Serviço, numa sessão formal que decorreu no auditório do Hospital de Santo André, em Leiria.

Francisco Rodrigues abriu a cerimónia com uma intervenção sobre a importância da Psicologia Clínica no Serviço Nacional de Saúde. «Tem sido feito um trajeto com uma preocupação sempre em mente: que se procurem as soluções para que os serviços prestados pelos Serviços de Psicologia sejam o mais eficientes possível, mais disponíveis e com a melhor qualidade para as pessoas que necessitam desta área.”

Assim, “cabe-nos continuar a trabalhar em conjunto com os outros papéis que acabam por tentar no dia a dia fazer com que a saúde e a organização dos serviços de Saúde, nomeadamente no Serviço Nacional de Saúde, possam ter melhor qualidade e possam estar mais disponíveis. Cabe-nos dar o nosso contributo que, em algumas situações, carece de ser melhor conhecido, carece de fazer chegar mais evidências daquilo que são os benefícios das nossas intervenções», acrescentou.

«No que respeita à Ordem dos Psicólogos, o CHL pode contar como até aqui com o contributo que considere adequado. Da nossa parte, a preocupação manter-se-á com o acautelar que os nossos profissionais prestam o melhor serviço e estão disponíveis para as pessoas que dele necessitam. Que os próximos anos sejam de crescimento no sentido dessa mesma qualidade e do alcance dos Serviços de Psicologia aqui, e simbolizando a partir daqui para o Serviço Nacional de Saúde, nestes tempos de mudança que também agora atravessamos», rematou o Bastonário da Ordem dos Psicólogos.

Após a assinatura de compromisso com o presidente do Conselho de Administração (CA) do CHL, Licínio de Carvalho, Joana Correia dirigiu algumas palavras aos presentes, começando pelos agradecimentos, em especial, aos seus colegas de equipa, e a todos os presentes.

«Materializamos o nosso compromisso, com a maior dedicação e o espírito de sacrifício que nos tem sido habitual, procurando preservar sempre a identidade da Psicologia e o bem-estar dos profissionais que trabalham nesta casa, com selo de qualidade. Às equipas com quem a Psicologia trabalha, aqui representadas, em especial às minhas, reforçamos que as caminhadas são longas mas que vamos chegar lá!». A diretora do Serviço de Psicologia Clínica ainda ressalvou que «os próximos três anos serão desafiantes, mas é aos desafios que se associam conquistas e às conquistas que brindamos. Contem comigo, pois eu conto convosco para seguirmos, lado a lado, nesta missão!», sublinhou.

Licínio de Carvalho encerrou a cerimónia, iniciando o seu discurso com o tema do compromisso, em primeiro lugar com a comunidade interna do CHL, e depois, com a comunidade externa. «O trabalho da Psicologia acompanha-nos desde o nascimento até depois da morte. Os psicólogos têm um papel absolutamente imprescindível, que é importante não só a nível hospitalar, mas sobretudo a nível comunitário. O terceiro compromisso foi o realizado com a nossa tutela, que consiste em que a nossa Região tenha continuamente melhores cuidados de saúde, com boas respostas de cuidados.”

Já “o quarto e último compromisso, e mais simbólico, que assumi com o Bastonário da Ordem dos Psicólogos e com o presidente da Delegação Regional Centro, que foi criar um Serviço de Psicologia, para que represente mais do que a soma das várias colaborações dos psicólogos nos diferentes serviços no nosso centro hospitalar. Neste momento são sete os psicólogos e temos em curso o recrutamento de mais dois profissionais da área», revelou.

O presidente do CA do CHL agradeceu a todos os psicólogos do CHL, à sua diretora, e a todos os diretores de serviço e enfermeiros gestores, «que são os principais elos de ligação desta equipa importante». Sobre desafios futuros, Licínio de Carvalho destacou a importância do trabalho em colaboração dos psicólogos, através de plataformas, pontos de encontro e discussão, «pois só assim um Serviço emerge e as suas vantagens podem ser capturadas pelos nossos serviços e pelos doentes que tratamos».

O principal desafio sublinhado por Licínio de Carvalho foi o da produtividade, já que «a demanda dos serviços está a crescer de uma forma alucinante. Vamos ser poucos para responder a todos os desafios e a todas as necessidades, e os psicólogos não vão ser exceção. É importante termos o foco naquilo que fazemos, naquilo que podemos fazer e nas respostas que temos de dar. Temos de ser muito criteriosos a tratar os nossos doentes, temos de ser seletivos a tratá-los de acordo com as suas prioridades.”

Licínio de Carvalho alertou que, “sem produtividade, sem eficácia, sem eficiência, sem trabalho, sem desempenho, sem critério, nós não vamos conseguir chegar ao acesso. E o acesso é o valor mais caro, é o principal eixo de atuação do funcionamento do Serviço Nacional de Saúde e dos serviços de saúde em particular. Não garantindo o acesso, não estamos a garantir o compromisso que nós temos com a nossa comunidade».

«Desejo um futuro grande e grandioso aqui no centro hospitalar ao novo Serviço de Psicologia, e o compromisso do Conselho de Administração é continuar a criar as melhores condições para que façam o melhor trabalho, para que se sintam bem em termos profissionais, e se possível, em termos pessoais», finalizou Licínio de Carvalho.

Na cerimónia estiveram presentes os psicólogos que integram o Serviço de Psicologia Clínica, criado no CHL em novembro de 2021, bem como os diretores e enfermeiros gestores dos Serviços com os quais a Psicologia Clínica colabora diariamente: Psiquiatria e Saúde Mental, Pediatria, Neurologia, Psiquiatria da Infância e da Adolescência, Endocrinologia e Cuidados Paliativos e ainda a direção do Serviço de Gestão de Recursos Humanos.

Além do Bastonário da Ordem dos Psicólogos, esteve também presente o presidente da Delegação Regional Centro da Ordem dos Psicólogos Portugueses, Paulo Cunha.

     Fonte: Midlandcom

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ainda não há comentários nenhuns.