Edição: 267

Diretor: Mário Lopes

Data: 2023/2/3

Abaixo-assinado levou socialistas a viabilizar o processo

PCP acusa PS de dificultar processo da reposição de freguesias de Coruche, Fajarada e Erra

A Comissão Concelhia de Coruche do PCP acusa, em comunicado datado de 4 de janeiro,  o Partido Socialista de nunca ter verdadeiramente intenção de possibilitar a reposição de Freguesias, devolvendo às populações do concelho as freguesias que considera terem sido “roubadas” e integradas na União de Freguesias de Coruche, Fajarda e Erra.

“O PS, agindo de forma antidemocrática, tentou ignorar as moções apresentadas pelos eleitos da CDU para que fosse iniciado, em tempo útil, o processo da reposição das Freguesias de Coruche, Fajarda e Erra, assim como, o sentido da votação unânime dos eleitos de diversas forças políticas às mesmas, procurando, com fundamentação ilegítima, que o referido processo, nunca fosse iniciado”, acusa.

Segundo o PCP, “o PS esteve do lado errado da vontade das populações e agora, tenta alegar um conjunto de inverdades e critérios subjetivos em relação ao Abaixo-Assinado que pressionou o Partido Socialista a agir, vendo-se obrigado a respeitar a vontade dos eleitos dos órgãos autárquicos e da população. Procuram deitar areia para os olhos das populações, mas sabemos que apenas tentam apagar o seu comportamento que defrauda a vontade das populações.”

O PCP afirma com orgulho que, desde do primeiro momento, se opôs à extinção das Freguesias, assumindo o compromisso de intervir para a sua reposição, rejeitando a imposição do Governo PSD/CDS e não revertida pelos Governos PS.

Nesse sentido, apresentou ao longo destes anos inúmeras iniciativas nos órgãos autárquicos locais e legislativos, visando a reposição das Freguesias extintas, num processo simples e objetivo, de acordo com a vontade das populações. Estes projetos foram rejeitados com os votos do PS, PSD e demais partidos da direita.

O PCP saúda, uma vez mais, as populações que fizeram prevalecer a sua vontade, através da sua presença constante e por serem o motor de um abaixo-assinado que foi determinante para o Partido Socialista assumir, o que já tinha sido assumindo pelos eleitos nas Assembleias de Freguesia de Coruche, Fajarda e Erra e pela Assembleia Municipal de Coruche.

A Comissão Concelhia de Coruche do PCP garante que, tal como os eleitos locais, os deputados do PCP na Assembleia da República que sempre estiveram, estão e estarão “disponíveis para lutar por tão justa reivindicação” e, votarão favoravelmente a reposição das Freguesias, assim como se baterão pela valorização do Poder Local Democrático tal como a Constituição da República Portuguesa o prevê.

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ainda não há comentários nenhuns.