Edição: 268

Diretor: Mário Lopes

Data: 2023/3/25

“Aprender, Liderar, Inspirar” dá mote ao Dia Europeu do Enfermeiro Perioperatório 2023

Enfermeiros do Centro Hospitalar de Leiria criam projetos de melhoria na área da Segurança do Doente

Hospital de Santo André

Os enfermeiros perioperatórios do Centro Hospitalar de Leiria (CHL) assinalam o Dia Europeu do Enfermeiro Perioperatório, que se celebra no dia 15 de fevereiro, com a criação de quatro projetos de melhoria contínua na área da Segurança do Doente, proposta da Associação dos Enfermeiros de Sala de Operações Portugueses (AESOP), mentora da comemoração da efeméride, a quem o CHL se junta.

Entre os dias 13 e 19 de fevereiro, um grupo de enfermeiros perioperatórios do CHL junta-se num desafio nacional da AESOP de divulgar nas redes sociais pequenos vídeos sobre os seus projetos, focados no mote deste ano “Aprender, Liderar, Inspirar”, como um contributo para a melhoria das práticas centradas no doente com ganhos de saúde.

«Estamos a trabalhar em quatro projetos, com o objetivo de melhorar a prática clínica, como uma forma de aprendizagem, com liderança e inspiração no perioperatório», explica a enfermeira Paula Bagagem, coordenadora da comemoração da efeméride no CHL. «Os nossos projetos centram-se em quatro temas principais: contribuir para a melhoria da experiência cirúrgica, anestésica da criança, do jovem em situação perioperatória; promover a melhoria contínua da comunicação eficaz, na transição de cuidados do doente cirúrgico; promover uma melhoria no desempenho profissional das assistentes operacionais em Sala de Cirurgia Ortopédica, assegurando que realizam as suas funções de forma eficiente e responsável, aumentando a qualidade e segurança dos procedimentos cirúrgicos; e ainda, melhorar o desempenho dos enfermeiros em sala operatória, otimizando através do treino a resposta do enfermeiro instrumentista na mesa operatória.»

O Dia Europeu do Enfermeiro Perioperatório é comemorado na Europa com a finalidade de promover a visibilidade do contributo do trabalho desenvolvido pelos enfermeiros perioperatórios e da literacia do cidadão na área da Segurança Cirúrgica.

«A prestação de cuidados perioperatórios seguros é conseguida através da investigação científica, da atualização constante de conhecimentos e cumprimento das recomendações e normas de boas práticas institucionais, nacionais e internacionais, que são alicerçados em evidência científica, tornando a prática baseada na evidência uma questão central da atividade profissional», destaca Paula Bagagem.

O enfermeiro perioperatório avalia a necessidade dos cuidados, executa-os, previne complicações e zela pela segurança e conforto dos doentes no período perioperatório. A sua missão é acompanhar a pessoa, tendo em conta a sua individualidade e vulnerabilidade, antes, durante e após a cirurgia.

     Fonte: Midlandcom

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ainda não há comentários nenhuns.