Edição: 283

Diretor: Mário Lopes

Data: 2024/6/14

Mesa-redonda ‘Circular à volta dos plásticos’, decorre dia 26 de abril, às 15h30, na ESTM, em Peniche, no âmbito da exposição ‘Plasticus maritimus’

Politécnico de Leiria debate poluição do mar e invasão de plástico nas praias

Cartaz da exposição

‘Circular à volta dos plásticos’ é o mote da mesa-redonda organizada pela Escola Superior de Turismo e Tecnologia do Mar (ESTM) do Politécnico de Leiria, em Peniche, que acontece dia 26 de abril, pelas 15h30, na Sala Berlengas da ESTM, no âmbito da exposição da bióloga marinha Ana Pêgo, ‘Plasticus maritimus’.

Focada no problema da poluição dos mares e do plástico marítimo, a mesa-redonda integra a programação do I Festival de Reservas da Biosfera da UNESCO, que decorre de 21 de abril a 7 de maio.

O debate conta com a autora da mostra Ana Pêgo, que vem falar do seu projeto Plasticus maritimus, criado para sensibilizar o público para o problema dos plásticos deixados nas praias e para a ameaça que representam para a Humanidade.

A acompanhar a bióloga marinha no debate está o também biólogo e investigador do Laboratório Marítimo da Guia (M ARE/FCUL) André Afonso, que vem apresentar o seu conto socioambiental ‘O mar debaixo’.

A bióloga e investigadora do MARE Ana Filipa Bessa, vem falar do seu projeto lixomarinho.app, uma plataforma criada para mapear o lixo marinho encontrado nas praias e sensibilizar a população para a preservação dos oceanos.

A bióloga marinha e investigadora Mafalda de Freitas, do Peladrone, que procura aumentar a competitividade e sustentabilidade das pequenas e médias empresas portuguesas, com a ajuda de tecnologias digitais inovadoras nos processos de pesca, como os drones. O debate é moderado pelo biólogo e diretor da ESTM, Sérgio Leandro.

Dedicada a alertar o público para a «espécie exótica e invasora que tem proliferado em todos os oceanos e praias do mundo», a Exposição Plasticus maritimus estará patente até 2 de junho na Biblioteca do Campus 4 e na Sala Berlengas.

A mostra integra a programação do Festival de Reservas da Biosfera da UNESCO, de 21 de abril a 7 de maio nas reservas das Berlengas, de Santana e da Graciosa. O Festival pretende dar a conhecer ao público as Reservas da Biosfera portuguesas a partir de um olhar diferente e celebrar cruzamentos criativos entre diferentes expressões artísticas e manifestações identitárias das comunidades.

Mais informação em: https://www.ipleiria.pt/sdoc/plasticus-maritimus-uma-especie-invasora-exposicao-de-ana-pego/

  Fonte: Midlandcom

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ainda não há comentários nenhuns.