Edição: 282

Diretor: Mário Lopes

Data: 2024/5/28

Investimento de 800 mil euros no Parque Verde do Louriçal está integrado na estratégia municipal

Câmara de Pombal vai dotar concelho com rede de parques verdes em todas as freguesias

Futuro Parque Verde do Louriçal

A Câmara Municipal de Pombal aprovou, este mês de maio, a abertura de concurso público para a edificação do Parque Verde do Louriçal, num investimento a rondar os 800 mil euros. O projeto enquadra-se na estratégia municipal de dotar o concelho com uma rede de parques verdes em todas as freguesias, contribuindo para a promoção da qualidade de vida e o bem-estar da população.

A proposta pretende criar um espaço de referência na região, ímpar na sua simplicidade estrutural e de aproximação direta à natureza e ao património histórico, articulando acessos existentes, promovendo o sentimento de segurança e conforto entre os utilizadores, assim como valores de biodiversidade e de conservação da natureza.

A área de intervenção, com aproximadamente 5500 m2, corresponde aos espaços envolventes ao Aqueduto, próximo do Convento, do centro histórico e da zona de expansão urbana do Louriçal, que este ano comemora o 30º aniversário de elevação a vila.

Os trabalhos previstos abrangem, sucintamente, a construção de um edifício de apoio às atividades desenvolvidas no jardim, destinado a instalações sanitárias, uma zona central com equipamentos infantis e geriátricos, um espelho de água com fonte interativa, iluminação pública, zonas ajardinadas e arborizadas e, diversos percursos pedonais. Dos trabalhos fazem parte, igualmente, um parque de merendas, bolsa de estacionamento e área de acampamento.

“O nosso foco prioritário é, realmente, a atividade económica, mas, paralelamente, também temos de cuidar das pessoas que vivem em Pombal e daquelas pessoas que querem vir viver para o nosso concelho e é por isso que, em cada uma das freguesias, nós vamos criar estes espaços de fruição familiar e comunitária”, considera o presidente da Câmara Municipal, Pedro Pimpão.

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Abrigos de madeira são realmente sustentáveis?

[…] por meio do uso de materiais renováveis. A madeira é um recurso naturalmente renovável, pois as árvores podem ser replantadas e colhidas de forma sustentável. Outra característica que torna os abrigos de madeira […]