Edição: 281

Diretor: Mário Lopes

Data: 2024/4/18

Sediada no Departamento de Psiquiatria

OficINa-Arte Bruta Inclusiva inaugura exposição 'Anti Inércia' no Hospital Distrital de Santarém

Membros da organização e artistas da exposição

A OficINa- Arte Bruta Inclusiva, sediada no Departamento de Psiquiatria do Hospital Distrital de Santarém (HDS), inaugurou esta sexta-feira, 19 de maio, no ginásio Fitness Factory, em Santarém, a Exposição “Anti Inércia”, que contempla o trabalho realizado pelos artistas da OficINa, sob curadoria de Susana Veiga Branco. A mostra ficará patente até ao dia 7 de julho.

Na inauguração, e em nome do Conselho de Administração, Vanda Alambre, vogal executiva, agradeceu à OficINa pela “partilha das suas obras de arte e coragem em exporem os seus sentimentos”.

Conforme explica a curadora da exposição, Susana Veiga Branco, “o movimento da criação artística e o bem-estar subsequente  fundem-se aqui com a ideia do ginásio, com a anti inércia e a qualidade de vida”.

Carla Ferreira, enfermeira especialista em Saúde Mental e coordenadora do projeto oficINa- Arte Bruta Inclusiva, salienta a recetividade e disponibilidade do ginásio Fitness Factory Santarém em acolher esta exposição que reúne trabalhos “impactantes que expressam sentimentos e emoções dos seus autores”.

O objetivo desta exposição é divulgar o trabalho da OficINa e dos seus artistas e aproveitar a oportunidade para informar que a OficINa tem caráter sócio profissionalizante, em que 70% do valor da venda será para o artista e 30% reverte para a associação.

A Câmara Municipal de Santarém também marcou presença na inauguração, fazendo-se representar pelo vereador Diogo Gomes e por Elisabete Filipe, chefe de divisão da Ação Social e Saúde.

A OficINa – Arte Bruta Inclusiva foi inaugurada em maio de 2021 com o objetivo de apostar na reabilitação de pessoas com doença mental grave, mobilizando a arte como ferramenta terapêutica. Pintura, costura ou restauração de móveis são algumas das atividades desenvolvidas neste espaço.

     Fonte: GCI|HDS

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ainda não há comentários nenhuns.