Edição: 281

Diretor: Mário Lopes

Data: 2024/4/22

Caldas da Rainha, Peniche e Torres Vedras

Centro Hospitalar do Oeste cria Centro de Responsabilidade Integrado de Oftalmologia

Equipa do CRIO Oeste

O Centro Hospitalar do Oeste criou um novo Centro de Responsabilidade Integrado de Oftalmologia do Oeste (CRIO.O), que tem como objetivo potenciar o aumento de consultas e cirurgias na especialidade de oftalmologia, e diminuir as listas de espera de forma mais eficaz, respondendo às necessidades de saúde visual dos utentes dos concelhos da área de abrangência do CHOeste.

Este CRI está vocacionado para prestar um atendimento oftalmológico em regime de ambulatório, dando prioridade aos utentes em idade pediátrica, utentes diabéticos e utentes com marcada diminuição da acuidade visual, nomeadamente em contexto de patologia prevalente como a Degenerescência Macular ligada à idade ou a catarata. Nesse sentido, o CRIO.O pretende construir uma plataforma para a prestação de um atendimento oftalmológico de qualidade, direcionado para patologias agudas e crónicas, de elevada prevalência e complexidade, e que exigem cuidados complexos e diferenciados.

O Centro de Responsabilidade Integrado de Oftalmologia do Oeste (CRIO.O) é dirigido por um conselho de gestão constituído pelo Dr. Pedro Alfaiate, diretor do Serviço de Oftalmologia do CHOeste, e pelas vogais Dra. Maria José Mira e Enf.ª Teresa Leal, e composto por uma equipa dedicada multidisciplinar de 16 profissionais de diferentes categorias e competências.

Segundo Pedro Alfaiate, diretor do CRIO.O, este novo modelo de gestão permitirá expandir o desempenho da atividade assistencial, que se reveste de uma elevada importância, sobretudo agora, em que a procura pelos cuidados de saúde no SNS está a aumentar. Nesse sentido, estima que durante o primeiro ano de atividade do CRIO.O, possam ser realizadas mais de 2.200 cirurgias e mais de 7.700 consultas.

Acrescenta ainda que a criação do CRIO.O é de capital importância para expandir a atividade e diferenciação no Serviço de Oftalmologia, quer pelos recursos a incentivos aos profissionais que já são colaboradores, quer pela vinda de novos profissionais que se possam sentir estimulados pelo modelo de incentivos e/ou postura vanguardista da organização.

Recorde-se que este é o terceiro Centro de Responsabilidade criado no CHOeste, sendo que os dois primeiros foram criados em 2020, nas áreas da Pneumologia e da Psiquiatria e Saúde Mental.

Para o Conselho de Administração do Centro Hospitalar do Oeste, estas estruturas de gestão permitem dar respostas assistenciais mais flexíveis e de maior proximidade, em articulação com os cuidados de saúde primários, particularmente úteis para ajustar o modelo de prestação de cuidados às necessidades dos utentes. Ao mesmo tempo, será possível atribuir às equipas envolvidas mais autonomia e responsabilidade para rentabilizar a capacidade instalada e cumprir os tempos de resposta, centrados nas necessidades dos utentes e com incentivo à melhoria contínua.

O Centro Hospitalar do Oeste integra os hospitais de Caldas da Rainha, Peniche e Torres Vedras, tendo uma área de influência constituída pelas populações dos concelhos de Caldas da Rainha, Óbidos, Peniche, Bombarral, Torres Vedras, Cadaval e Lourinhã e de parte dos concelhos de Alcobaça (freguesias de Alfeizerão, Benedita e São Martinho do Porto) e de Mafra (com exceção das freguesias de Malveira, Milharado, Santo Estêvão das Galés e Venda do Pinheiro), abrangendo 298.390 habitantes.

Fonte: GC|CHO

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ainda não há comentários nenhuns.