Edição: 281

Diretor: Mário Lopes

Data: 2024/4/24

“Coleção dedicada às Jornadas Mundiais da Juventude é composta por dois selos e por um bloco filatélico”

Visita do Papa Francisco à JMJ ilustrada em selo dos CTT

Selo do Papa Francisco dedicado à Jornada Mundial da Juventude

Está em circulação a edição exclusiva de selos dos CTT dedicada à Jornada Mundial da Juventude (JMJ), que arranca esta terça-feira, dia 1 de agosto, em Lisboa. Esta emissão é composta por dois selos – um ilustra um grupo de jovens e o outro Sua Santidade, o Papa Francisco -, com valores faciais de 0,61€ e 1,15€, com uma tiragem de 75 mil exemplares cada, e ainda por um bloco filatélico com um selo, que pode ser adquirido por 3€.

A Jornada Mundial da Juventude conta com dois símbolos que a acompanham e representam: a Cruz Peregrina e o ícone de Nossa Senhora Salus Populi Romani. Nos meses que antecedem cada jornada, os símbolos partem em peregrinação para serem anunciadores do Evangelho e acompanharem os jovens, de forma especial, nas realidades em que vivem.

A receção e o acolhimento dos símbolos têm dado muitos frutos um pouco por todo o mundo. Em África, por exemplo, estes dois símbolos instaram os jovens a converterem-se numa geração não-violenta, encabeçaram várias marchas pela paz e foram tocados por milhares, que os saudaram também com os trajes típicos dos seus países. Ajudaram ainda a levar reconciliação onde havia tensão, como em Timor-Leste.

Os CTT emitem selos desde 1853. A colaboração com a Igreja Católica a este nível filatélico foi uma das mais constantes ao longo dos anos, começando logo em 1895. A partir daí, todas as visitas papais foram ilustradas com emissões de selos, todos os momentos marcantes da vida e da história da nossa Igreja e dos nossos santos foram sublinhados da mesma forma.

Com um carinho especial, os CTT fizeram várias emissões sobre Nossa Senhora de Fátima e lembraram os esforços de evangelização decorrentes dos descobrimentos e da diáspora lusitana.

Sobre os CTT

Os CTT empregam 11 788 pessoas em Portugal. Em 2022, obtiveram rendimentos operacionais de 906,6 milhões de euros, um EBIT recorrente de 65,4 milhões de euros e um resultado líquido de 36,4 milhões de euros. Nesse mesmo ano, os CTT transportaram 457,6 milhões de objetos de correio endereçado. Com forte presença ibérica, os CTT ligam pessoas e empresas de forma sustentável.

   Fonte: GI|CTT

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ainda não há comentários nenhuns.