Edição: 282

Diretor: Mário Lopes

Data: 2024/5/18

Porto de Mós é o maior concelho do Parque Natural das Serras Aire e Candeeiros

Centro Interpretativo de Atividades de Natureza inaugurado como porta de entrada para o PNSAC

Descerramento da placa inaugurativa do do Centro Interpretativo de Atividades de Natureza no PNSAC

A inauguração do Centro Interpretativo de Atividades de Natureza no PNSAC – Parque Natural das Serras de Aire e Candeeiros, em Alvados, teve lugar no dia 17 de setembro, no âmbito do Festival Viver 2023, na União de Freguesias de Alvados e de Alcaria.

A requalificação do agora Centro Interpretativo de Atividades de Natureza no PNSAC teve como objetivo transformar este espaço num polo agregador, que funcionará como epicentro de todo o Projeto de Turismo Natureza no concelho de Porto de Mós, abraçando uma série de vertentes desportivas e de lazer e encontra-se integrado numa estratégia alargada de Turismo, nomeadamente de turismo de natureza, encetada pelo Município de Porto de Mós.

A sessão contou com a intervenção da presidente da União de Freguesias de Alvados e Alcaria, Sandra Martins. A Presidente local agradeceu ao município a possibilidade daquele edifício finalmente cumprir o desígnio para o qual nasceu, há mais de 20 anos atrás, reiterando as características do território para acolher a prática de atividades desportivas e de natureza.

Já o presidente do Turismo Centro de Portugal, Raul Almeida, confirmou o apoio desta entidade para a implementação deste projeto e referiu que os dados estatísticos indicam a crescente procura por este tipo de turismo, ressalvando que o turismo de praia e sol se torna redutor quando se fala das potencialidades de Portugal neste setor.

Por outro lado, o diretor regional do ICNF, Rui Pombo, que esteve na cerimónia em representação do secretário de Estado do Ambiente, admitiu que sendo Porto de Mós um território protegido quase na sua totalidade, faz todo o sentido que uma das principais portas de entrada do PNSAC se situe na sua área de intervenção.

O presidente da Câmara Municipal de Porto de Mós, Jorge Vala, afirmou que a reabertura deste espaço concretiza a certeza no dever cumprido, alertando para a necessidade de trabalhar em conjunto com todos os municípios que integram o parque natural, medida concretizada pela acordo de cogestão entre estes e o ICNF.

No decorrer da cerimónia foi, ainda, assinado o protocolo de colaboração entre o Município de Porto de Mós e a Trilho do Castelejo – Associação de Aventura de Alvados, para a cedência de espaço para dinamização de atividades de natureza desportiva.

De seguida foi feita uma visita guiada ao espaço, com acompanhamento do vereador da Cultural, Turismo, Desporto e Ambiente, Eduardo Amaral. No decorrer da mesma foi, também, apresentado o novo site de promoção da Rede de Trilhos e Espaços de Visitação, em visite.portodemos.pt .

As obras incluíram o redimensionamento do espaço e a criação de melhores acessos, tornando-o mais acessível e inclusivoo a su; a construção de um novo acesso aos balneários, mais direto e independente das restantes áreas, permitinda utilização exclusiva e, ainda, a reconversão de algumas áreas em espaços mais dinâmicos, funcionais e apelativos, como é caso do terraço superior.

A obra representou um investimento de €149.800,41, e é parte integrante da operação “Rede de Trilhos e Espaços de Visitação do concelho de Porto de Mós”, no âmbito do Programa Operacional Regional do Centro – Centro 2020.

     Fonte: PA|GC|CMPM

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ainda não há comentários nenhuns.