Edição: 280

Diretor: Mário Lopes

Data: 2024/3/1

Reuniões de Câmara descentralizadas arrancaram em Porto de Mós

Inauguração da requalificação da Casa dos Calados vai ter lugar no Juncal no primeiro semestre de 2024

Reunião da vereação na Freguesia de Porto de Mós

O périplo pelas freguesias, no âmbito das reuniões de câmara descentralizadas no ano de 2024, arrancou no dia 11 de janeiro, na freguesia de Porto de Mós.

A grande novidade do dia foi a aprovação da candidatura da Casa dos Calados, pelo Programa Operacional do Centro (Centro 2020) *, o que se traduz na comparticipação da obra em cerca de 1,5 milhões de euros. As obras de requalificação da Casa dos Calados, no Juncal, arrancaram em março de 2022 e prevê-se que o espaço seja inaugurado no primeiro semestre de 2024.

As reuniões de câmara descentralizadas, que percorrem mensalmente as freguesias do concelho, voltam, nesta edição, a incluir visitas ao terreno, acompanhadas pelo executivo municipal e pelo executivo das juntas de freguesias, com vista à avaliação e identificação de problemas e propostas de soluções, no terreno.

Na esfera da reabilitação urbana, destaque para o projeto de revitalização do acesso à Ecopista, na Rua da Pevide, Corredoura, que engloba a demolição das ruínas, a nivelação e alcatroamento da via e a criação de bolsas de estacionamento que darão apoio aos visitantes da ecopista.

Seguindo em direção à Área de Localização Empresarial de Porto de Mós, e dando continuidade à estratégia de desenvolvimento da mobilidade suave, pretende-se criar uma via pedonal de ligação entre a localidade da Corredoura e o parque empresarial, na via direita, sentido Norte/Sul, com o objetivo de permitir o usufruto daquele troço em segurança, nomeadamente, por parte das pessoas que ali trabalham.

No lugar da Fonte dos Marcos, o cruzamento da Azinhaga/Escorial volta a estar em análise. O novo projeto de requalificação do espaço inclui o alargamento das vias, definindo melhor os limites do cruzamento e facilitando a circulação dos veículos, em segurança.

Também na Rua da Bica, Fonte do Oleiro, o objetivo é tornar a circulação de pessoas e veículos mais segura, prevendo-se a demolição do edificado que se situa entre as duas vias, possibilitando, depois, o alargamento da estrada e a construção de passeios e acessos às habitações.

A comitiva visitou, ainda, o Cemitério da Fonte do Oleiro, que recebeu obras recentemente, e a Valicova, que terá brevemente casas de banho públicas para os visitantes do espaço.

O plano da visita não descorou o associativismo. Destaque para a visita às instalações renovadas do CCDR D. Fuas; ao Fórum Cultural, que alberga, nesta momento, atividades de cinco associações diferentes e a ADP que terá, dentro de pouco tempo, o campo de futebol sintético disponível para utilizar. Este projeto regressa à sua ideia original e será construído no terreno municipal, contíguo às instalações da ADP.

O ponto alto do programa foi a visita ao novo hotel, Dolinas, em fase final de construção. O novo alojamento da sede de concelho, terá cerca de 100 quartos, piscinas panorâmica interior, restaurante e sala de eventos com capacidade para 300 pessoas, mas o fator diferenciador é a parede de escalada indoor que o torna o único hotel no mundo com esta oferta. A par da prática de escalada para adultos e crianças, o hotel, totalmente virado para o turismo de natureza, terá disponível o serviço de limpeza e estacionamento de bicicletas, espaço vocacionado para os amantes da prática do BTT e ciclismo.

O investimento de quase 20 milhões de euros, liderado pelo empresário José das Neves Cardoso, vem, assim, dar resposta ao investimento turístico público e privado que tem sido concretizado ao longo dos últimos anos no território de Porto de Mós.

* Programa Operacional Regional do Centro, Eixo Prioritário Competitividade e Internacionalização da Economia Regional (COMPETIR), através do Fundo europeu para o Desenvolvimento Regional (FEDER) no valor 1 547 523,70€.

      Fonte: PA|GC|CMPM

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ainda não há comentários nenhuns.