Edição: 280

Diretor: Mário Lopes

Data: 2024/3/1

PSP encontrou contradições nos relatos

Casal é arguido por simular roubo violento na Nazaré para ludibriar seguradora

O Comando Distrital de Leiria da da Polícia Segurança Pública procedeu, na noite do  dia 25 de janeiro, através da Esquadra da Nazaré, à Constituição de Arguido de um casal residente naquela Vila, indiciados pelo crime de Simulação de Crime e eventual tentativa de burla de seguros.

O casal deslocou-se à Esquadra da PSP da Nazaré, relatando terem sido vítimas de roubo, com ameaça de arma branca, descrevendo ainda as características físicas do suposto suspeito, situação essa supostamente ocorrida no dia anterior, 24 de janeiro, pelas 21h30, durante um passeio em família naquela Vila.

Segundo estes, haviam-lhe sido roubados ambos os telefones móveis (smartphones), ascendendo a um valor de cerca de 2.000 Euros.

No decurso da receção formal da denúncia, recorrendo a técnicas de entrevista inerentes à ação policial, começaram por surgir contradições e disparidades na informação fornecida que em tudo sustentaram a hipótese de tratar-se de um relato simulado de ocorrência de crime, com o intuito de acionamento de contratos de seguro com cobertura para o tipo de crime relatado, facto que posteriormente veio a ser assumido e confessado pelo casal.

Desta forma, polícias da estrutura da investigação criminal efetuaram ainda diligências sequentes de recolha de prova, nomeadamente uma busca domiciliária autorizada à residência do casal, vindo a culminar na apreensão de ambos os equipamentos, inicialmente relatados como roubados.

Destes factos foi dado conhecimento ao Ministério Público da Nazaré que terá a tutela da ação penal do caso, sendo que os arguidos, desta forma, encontrar-se-ão fortemente indiciados pelo ilícito de simulação de crime e, eventualmente, de tentativa de burla relativa a seguros.

Por fim, consideramos que com estas ações policiais o Comando Distrital de Leiria demonstra continuar a dificultar a atividade criminosa de quem se dedica às mais diversas tipologias criminais, reforçando a tranquilidade pública da comunidade residente e frequentadora da região.

    Fonte: CDL|PSP

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ainda não há comentários nenhuns.