Edição: 282

Diretor: Mário Lopes

Data: 2024/5/24

Destacado militante do PCP e economista era natural de Ourém

Câmara de Ourém aprova Voto de Pesar pelo falecimento do economista antifascista Sérgio Ribeiro

Sérgio Ribeiro

Na Reunião de Câmara Municipal de Ourém de 6 de maio, o presidente Luís Miguel Albuquerque apresentou um Voto de Pesar pelo falecimento do Oureense Sérgio Ribeiro, respeitado intelectual com um papel destacado na Revolução de Abril, que teve uma notável trajetória política como antigo Deputado e Eurodeputado, entre outros cargos relevantes no contexto político local e nacional. Sérgio Ribeiro foi economista, militante do Partido Comunista Português, deputado do Parlamento europeu. Em 27 de Abril de 1974, foi um dos presos políticos libertados do Forte de Caxias, após a Revolução dos Cravos.

Voto de Pesar – Dr. Sérgio José Ferreira Ribeiro

“Nascido a 21 de dezembro de 1935, o Ouriense Sérgio Ribeiro, natural do Zambujal na freguesia de Atouguia, licenciou-se em economia (1958) e rapidamente tornou-se um cidadão interveniente na sociedade contra o regime, designadamente através da sua participação no movimento do associativismo estudantil no Instituto Superior de Ciências Económicas e Financeiras de Lisboa. Avançou com a sua filiação ao Partido Comunista Português em 1959, tendo sido um preso político em duas ocasiões em virtude do seu combate ativo à ditadura, saindo da prisão de Caxias na madrugada de 27 de abril de 1974.

Após a revolução chefiou delegações às conferências da Organização Internacional de Trabalho em 1974 e 1975, foi diretor geral do emprego em 1975 e foi docente universitário em várias entidades.

Entre 1977 e 1985 foi consultor chefe de missões na ONU/OIT em Angola, Cabo Verde, Guiné Bissau e Moçambique, mas também com passagens em outros países africanos.

Foi um cidadão politicamente ativo tendo sido deputado à assembleia da república e ao parlamento europeu, 1986-1999 e 2004-2005, respetivamente, sendo eleito igualmente à Assembleia Municipal da Amadora no mandato de 1976 a 1979 e em Ourém em cinco distintos mandatos de quatro anos. Igualmente ativo no domínio associativo em várias organizações, destacamos o seu percurso enquanto dirigente da Casa de Ourém em Lisboa em 1953, na Federação Portuguesa de Atletismo de 1961 a 1962, na Juventude Oureense de 2004 a 2015 ou na Universidade Sénior de Ourém.

No seu percurso também destacamos a sua paixão pelos livros, tendo sido editor e livreiro deixando uma marca relevante em diversas obras, havendo doado o seu espólio à Câmara Municipal de Ourém para a criação do Centro de Documentação Joaquim Ribeiro, na antiga escola primária em Zambujal.

Pelo seu percurso de vida e por se tratar de figura incontornável do nosso concelho de Ourém, foi merecedor da distinta e mais elevada distinção municipal, com a atribuição da medalha de ouro municipal, decorria o ano de 2018.

Neste momento de tristeza, o Município de Ourém apresenta o presente voto de pesar pelo falecimento do Dr. Sérgio Ribeiro, dirigindo à sua família e amigos a expressão das mais sentidas condolências.”

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ainda não há comentários nenhuns.