Edição: 283

Diretor: Mário Lopes

Data: 2024/6/14

Automóveis eram provenientes de furtos praticados em França

Empresário do ramo automóvel detido em Alcobaça por tráfico e viciação de veículos

A Diretoria do Centro da Polícia Judiciária deteve, no dia 4 de junho, um homem, de 54 anos, no concelho de Alcobaça, pela presumível autoria de crimes de burla qualificada, recetação, falsificação de documentos e branqueamento de capitais, no âmbito de uma investigação de tráfico e viciação de veículos.

Os automóveis, provenientes de furtos praticados em França, eram levados para armazéns, onde eram desmanteladas para venda de peças ou submetidos a alterações físicas e documentais, através de processos de falsificação. Depois, passavam a circular com números de chassis e chapas de fabricante falsas ou inexistentes. Posteriormente, os veículos e peças eram comercializados por preços abaixo do valor comercial a compradores de boa-fé nacionais.

No decurso da investigação, foi possível apreender viaturas, peças, documentação e telemóveis relacionados com esta atividade ilícita e deter, fora de flagrante delito, o responsável pelo esquema fraudulento.

O detido, empresário do ramo automóvel, sem antecedentes por este tipo de ilícitos, foi presente à competente autoridade judiciária para primeiro interrogatório judicial, sendo-lhe aplicada medida de coação não detentiva.

     Fonte: GIC|PJ

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ainda não há comentários nenhuns.