Edição: 284

Diretor: Mário Lopes

Data: 2024/7/20

Iniciado há 9 anos na EB1 de Alfeizerão

Projeto ORIGAMI reforça laços entre famílias e escolas e alarga-se a 5 escolas do concelho de Alcobaça

Sessão do Projeto ORIGAMI

Terminou no dia 20 de junho, na EB1 de São Martinho do Porto, mais um ano letivo do projeto ORIGAMI, uma iniciativa do CAJ – Centro de Atendimento a Jovens do Município de Alcobaça que promove o reforço da interação entre a escola e a família.

Implementado há 9 anos consecutivos (desde 2015), o projeto ORIGAMI define-se como um programa de promoção de desenvolvimento de competências sócio-emocionais, focado na complementaridade de papéis educadores/famílias.

O conjunto de competências sociais, emocionais ou académicas dos alunos são melhor estimulados se existirem redes de apoio e de reforço mútuos, pois as competências sócio emocionais desenvolvem-se de cada vez que a criança interage com os seus pais, pares, professores ou outros. De uma informal, o projeto promove a autonomia, criatividade, iniciativa, inovação e organização e conta com a participação direta dos pais.

Durante o ano letivo 2023-2024, o ORIGAMI foi trabalhado nas seguintes escolas: Centro Escolar de Alfeizerão, EB1 de São Martinho do Porto, Centro Escolar da Cela, EB1 do Vimeiro, Centro Escolar da Benedita e EB1 de Pataias.

Neste período foram realizadas um total de 83 sessões: 7 sessões para 160 participações de encarregados de educação e 76 sessões para cerca de 1600 participações de crianças das 6 turmas.

“O envolvimento dos pais nesta iniciativa é uma das suas vertentes fundamentais. Com este projeto, estamos a dinamizar toda a comunidade escolar e a promover uma maior aproximação com as famílias. A interação dos pais com os filhos é uma questão cada vez mais premente, tendo em conta as atuais exigências a nível de rotinas diárias que não favorecem essa interação. O que começou, há 9 anos, na então EB1 de Alfeizerão, está neste momento a ser implementado em mais 5 escolas. Estou certo de que nos próximos anos, mais famílias poderão usufruir deste programa”, sublinha o presidente da Câmara Municipal de Alcobaça, Hermínio Rodrigues.

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ainda não há comentários nenhuns.