Edição: 284

Diretor: Mário Lopes

Data: 2024/7/20

Junto ao rio Tejo

Movimento Ibérico Antinuclear congratula-se com anúncio de encerramento da Central Nuclear de Almaraz

O Movimento Ibérico Antinuclear acolheu com satisfação, no dia 27 de junho, a notícia de que a empresa pública ENRESA, responsável pela gestão de resíduos radioativos, iniciou o processo de concurso para serviços de engenharia destinados ao desmantelamento da central nuclear de Almaraz, na província de Cáceres, junto ao Tejo, a cerca de 100 km da fronteira com Portugal.

De acordo com o programa de operação e desmantelamento de instalações nucleares em Espanha, inserido no VII Plano Geral de Resíduos Radioativos, a data de cessação da exploração das Unidades I e II de Almaraz está fixada para novembro de 2027 e outubro de 2028, respetivamente.

O MIA tem lutado há muitos anos pelo encerramento desta central que constitui um perigo para Espanha e também para Portugal.

O MIA espera que seja feito um plano social para a reconversão profissional dos trabalhadores da central e que possam ser criados empregos verdes e dignos para todos

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ainda não há comentários nenhuns.