Edição: 245

Diretor: Mário Lopes

Data: 2021/4/23

Novo espaço dará a conhecer 33 carnavais de 7 regiões do mundo

Ministra da Coesão Territorial inaugura o Centro de Artes e Criatividade de Torres Vedras

A cerimónia de inauguração do Centro de Artes e Criatividade de Torres Vedras vai ter lugar este domingo, 25 de abril, às 15h. A inauguração terá início com a bênção do espaço pelo Padre Vítor Melícias, a que se segue visita ao equipamento pontuada por intervenções performativas.
O momento irá contar com a presença da ministra da Coesão Territorial, Ana Abrunhosa.

Realizado pelo design e ilustrador pombalense Sérgio Marques

Câmara de Pombal pinta mural junto ao IC2 para incentivar visitas turísticas

O Município de Pombal está a realizar uma pintura mural na zona da rotunda no Alto Cabaço, principal entrada a norte a Pombal, que sirva de “cartão de visita”, incentivando todos os automobilistas que circulam diariamente no IC2/EN1 a conhecerem a cidade. A peça de arte urbana única tem 40 metros de comprimento por 2,5 metros de altura, pretende também decorar a parede de betão já existente e torná-la mais apelativa.

Obra do Arquiteto vai estar patente na Galeria de Exposições do Espaço Turismo

Jorge Mangorrinha apresenta nas Caldas da Rainha a instalação “Viagem ao Centro da Cidade”

O arquiteto Jorge Mangorrinha apresenta, na Galeria de Exposições do Espaço Turismo das Caldas da Rainha, de 9 a 30 abril, a instalação “Viagem ao Centro da Cidade”, que inclui também Fotografia, Poesia e Música. Na montagem foi introduzida uma componente de Pintura, intitulada 100/Sem Aquistas. Esta é a primeira intervenção artística depois do encerramento da Galeria.

“Cultura no Centro” inclui o LeiriaShopping

Sonae Sierra vai apoiar artistas e entidades de âmbito cultural nos seus centros comerciais

Os centros comerciais geridos pela Sonae Sierra lançam, no âmbito do movimento “Consciência Somos Nós”, a iniciativa “Cultura no Centro”, para apoiar artistas e entidades do setor cultural. A iniciativa arrancou em 2020, com o objetivo de receber propostas que serão implementadas ao longo de 2021.

Projeto foi coordenado por Marisa Barroso, professora do Politécnico de Leiria

Projeto “Danças de Porto de Mós” distinguido com o Prémio Autarquia do Ano 2020/2021

O projeto “Danças de Porto de Mós”, coordenado por Marisa Barroso, professora da Escola Superior de Educação e Ciências Sociais (ESECS) do Politécnico de Leiria, foi reconhecido com a atribuição do Prémio Autarquia do Ano 2020/2021 ao município de Porto de Mós, na categoria de Cultura e Património – Danças e Artes Performativas.

Com a sua mais recente produção "A Viagem de Sophia"

S.A.Marionetas representa Portugal no Festival "Harmony Puppet Theatre OnLine" de 1 a 5 de abril

A companhia S.A.Marionetas irá representar Portugal com a sua mais recente produção “A Viagem de Sophia” no Festival “Harmony Puppet Theatre OnLine” de 1 a 5 de abril de 2021. O Harmony Puppet Theatre Online foi projetado para apresentar espetáculos de Marionetas de todo o mundo, com um total de 10 espaços onde o público pode entrar para ver as apresentações programadas.

Museu foi inaugurado no dia 18 de maio de 2020

Museu Industrial e Artesanal do Têxtil recebe em Mira de Aire exposição de Gisella Santi

A exposição “Pintar com os fios” de Gisella Santi irá estar patente no MIAT – Museu Industrial e Artesanal do Têxtil, em Mira de Aire a partir de 6 de abril. Esta exposição póstuma inclui várias peças de arte têxtil da conceituada artista que pertencem à coleção do seu filho, Orenzio Santi. Gisella Santi contribuiu de forma decisiva no desenvolvimento das artes têxteis e, em particular, da tapeçaria contemporânea em Portugal. A artista nasceu em Pescopagano (Itália) em 1922. Diplomou-se em Pintura Mural na Escola de Artes de Veneza e tinha o curso de Desenho com Modelo da academia de Brera (Milão). Frequentou, também, cursos de restauro de pinturas e de têxteis. Chegou a Portugal na segunda metade dos anos 50, em parte à procura de trabalho, em parte por amor.

Um minuto de leitura por dia nem sabe o bem que lhe fazia…

Biblioteca Municipal de Alcobaça e António Manuel Catarino lançam vídeos “Lê-me n(um) Minuto”

A vida acelerada dos nossos dias é difícil, mas a Biblioteca Municipal de Alcobaça sugere que tire por dia apenas um minuto para ler, ou ouvir alguém ler para si. A aposta num projeto cativante, para incentivar potenciais leitores, o que visto assim, até parece fácil. Vídeos de um minuto, gravados em vários planos e espaços do edifício, mostram a biblioteca nas redes sociais, e os colaboradores da biblioteca leem em voz alta, pequenos excertos dos livros que toda a equipa selecionou, fomentando o gosto pela leitura dos visualizadores.

Obra de Carlos Oliveira é intitulada “Pequenos Burgueses”

Fruticultura é o pano de fundo do telefilme da RTP1 a realizar no concelho de Alcobaça

O Município de Alcobaça irá colaborar com a produtora Ukbar Filmes e com a RTP1 para a realização de um telefilme a ser rodado no concelho em agosto. Baseia-se numa obra de Carlos Oliveira, intitulada “Pequenos Burgueses”, numa adaptação de Martim Baginha Cardoso. Será realizado por Rita Barbosa, e a história terá como pano fundo a grande tradição de fruticultura do concelho.

No âmbito do Regulamento PRO Leiria

Associações culturais do concelho de Leiria recebem apoio superior a 500 mil euros

o interesse cultural e a qualidade artística e técnica ou ainda a valorização do património cultural do concelho, entre outros.

Divididas em seis categorias, são os eventos de “relevância turística na mobilização e afluência de público” que recebem a maior fatia deste apoio financeiro, quase 160 mil euros para 32 iniciativas, seguindo-se 19 Filarmónicas com mais de 121 mil euros. A 11 conservatórios de música é atribuída a verba de quase 82 mil euros, enquanto são 15 os grupos de teatro que irão beneficiar de um auxílio que se aproxima dos 64 mil euros.

De espetadores a programadores: queres ser um visionário?

Projeto Visionários da Artemrede procura voluntários para serem programadores culturais em Alcobaça

Os Visionários são um grupo de cidadãos residentes no concelho de Alcobaça, que aceitam o desafio e assumem o compromisso de escolher parte da programação cultural do município. Este projeto é para ti se tens 18 anos ou mais, se gostas do mundo do espetáculo e se te preocupas com a cultura do teu concelho de Alcobaça. As inscrições já abriram.

Vencedores são conhecidos no dia 19 de fevereiro

Projetos desenvolvidos no Politécnico de Leiria conquistam três nomeações no Prémio Sophia Estudantes 2021

Dois recém-licenciados e um estudante da licenciatura em Som e Imagem, da Escola Superior de Artes e Design das Caldas da Rainha (ESAD.CR) do Politécnico de Leiria, foram nomeados para o Prémio Sophia Estudantes 2021. Os vencedores serão anunciados na esta sexta-feira, dia 19 de fevereiro. Gonçalo Oliveira, estudante do 3.º ano do curso de Som e Imagem, foi selecionado na categoria “Animação”, com o filme “During December”. O filme foi desenvolvido durante o ano letivo 2019/2020 e retrata a rotina de um homem velho, onde vivem as suas lembranças.

Leiria

Jardim da Almuinha Grande recebe escultura de Ricardo Romeiro intitulada “Futuro”

A Câmara Municipal de Leiria aprovou, por unanimidade, esta quarta-feira, dia 17 de fevereiro, o desenho da escultura que irá figurar no Jardim da Almuinha Grande, uma iniciativa que pretende melhorar a atratividade daquele espaço público. Intitulada de “Futuro”, a peça, da autoria de Ricardo Romeiro, é composta por uma mulher e uma criança, duas gerações diferentes a caminhar lado a lado na mesma direção.

Abertura ocorre dia 12 pelo Te-Ato

Projeto Centro Cultural oferece programação online a partir de Leiria

O Município de Leiria vai lançar o projeto Centro Cultural, com um conjunto de espetáculos culturais com transmissão online, de áreas como o teatro, a música, a dança ou o canto, envolvendo diversas instituições culturais do concelho. A abertura ocorre dia 12 pelo Te-Ato – Grupo de Teatro de Leiria, seguida, dia 13, pelo Orfeão de Leiria, e no dia 14 pelo Son Latino – Companhia de Dança e Animação.

Alcobaça

PCP emite nota de pesar pelo falecimento do poeta José Palma Rodrigues

A comissão concelhia de Alcobaça do PCP e a Comissão Coordenadora concelhia da CDU, manifestam o seu profundo pesar pelo falecimento do camarada José Palma Rodrigues, um extraordinário poeta popular, com muitos prémios, alcançando mesmo um 3º lugar a nível nacional.

Confinamento obriga a reprogramação no Teatro Stephens para o mês de janeiro

Confinamento obriga a reprogramação no Teatro Stephens para o mês de janeiro

A Câmara Municipal da Marinha Grande informa que, face à publicação do Decreto n.º 3-A/2021 de 14 de Janeiro, que regulamenta o estado de emergência decretado pelo Presidente da República, que implica o encerramento de teatros e outros equipamentos culturais, a programação prevista para o mês de janeiro no Teatro Stephens irá registar os ajustamentos.

O Concerto Para Bebés, agendado para 16 de janeiro, é adiado para nova data a divulgar logo que possível. Quem tenha adquirido bilhetes para esta data pode guardá-los para a nova data ou solicitar na bilheteira a devolução do valor pago.

Grupo cénico Kaspiadas estreia peça de teatro no Facebook

Dia 9 de janeiro, sábado, às 21h30, o Kaspiadas vem ao Facebook perguntar – A que horas passa o autocarro? E vem perguntar do modo que melhor sabe, com uma peça de teatro que não pode perder – assista em direto e deixe um aplauso em www.facebook.com/kaspiadascpp. O Kaspiadas – Grupo Cénico da Casa do Povo de Pontével, tinha saudades do palco e do público. O público certamente também já tem saudades do Kaspiadas.

S.A.Marionetas resistiu à pandemia e manteve a atividade (possível) em 2020

O grupo de teatro S.A.Marionetas divulgou o balanço (possível) de 2020, um ano atípico afetado pela pandemia de COVID-19. Em 2020, o grupo constituído por José Gil, Sofia Vinagre e Natacha Costa Pereira começou o ano a receber o Prémio de “Melhor Música Original” pelo espetáculo Consonância com o pianista Daniel Bernardes, atribuído pelo blogue Guia dos Teatros. Logo depois, e como todos, o grupo teatral de Alcobaça ficou parado aguardando melhores dias.

Projeto UpA - Unidos pela Arte

SAMP e Município de Leiria lançam projeto UpA de inclusão social pela Arte

Sandra Sousa, gestora de projetos da SAMP

A SAMP e o Município de Leiria vão lançar o projeto UpA – Unidos pela Arte, um projeto de inclusão social, recorrendo à arte para facultar ferramentas essenciais para manter o estado de saúde, bem como potenciar a autoestima, autocontrolo, adaptabilidade, relações sociais, promovendo a criação de grupos e redes de apoio.

Este é um projeto dirigido a profissionais de saúde, cuidadores, colaboradores de instituições e os demais que entendam benefício participar.

Este programa pretende constituir-se como boa prática a ser alargada a um maior território para chegar a todos os que precisam, com uma solução de práticas participativas e um trabalho artístico cocriativo.

Para este projeto, propõem-se a criação de uma companhia artística permanente, que integre todos os interessados que se detetem ou que nos sejam encaminhados por instituições, profissionais da saúde, cuidadores e colaboradores.

Prevê-se, com estes grupos, promover o encontro através de práticas sonoras comunitárias, viajando com a Música, com o Teatro e com o Movimento.

Nos tempos atuais, as comunidades encontram-se a atravessar um dos momentos mais desafiantes e de grandes tensões sociais, emocionais e económicas.

O medo, a ansiedade e a incerteza agudizaram-se no dia-a-dia de cada individuo, e consequentemente deterioram as relações, as famílias, as equipas de trabalho e toda uma sociedade. Assim se passa não só com a saúde física, mas também, e principalmente, com a saúde mental, que desestabilizada a longo prazo, traz também a redução da imunidade e estados físicos patológicos associados.

Uma das consequências desta crise é a diminuição dos recursos financeiros e por tal facto, a arte, o auto cuidado e a terapia passam para segundo plano, aumentando o recurso a medicação do foro psicológico e internamento em serviços de psiquiatria.

E neste sentido que nasce a vontade de desenvolver um projeto de práticas comunitárias, em que a Arte se torna a ferramenta principal para o Estar com o Outro.

Se, por um lado, o objetivo é, através de um trabalho comunitário cocriativo desenvolver performances artísticas, enaltecendo as aptidões de cada indivíduo, que terá como resultado final a apresentação de diversas performances em locais imprevisíveis do Concelho de Leiria, por outro, pretende-se facilitar novas descobertas, novos olhares e novos canais de comunicação, que nos permitem questionar e caminhar conscientes rumo a autoestima e autoconsciência.

É nesta evolução de consciência que, depois de atravessarmos os estados de medo, ansiedade, perda de horizonte e futuro, descobrimos as nossas potencialidades, o que faz de nós únicos e fundamentais no núcleo familiar, no meio laboral, na comunidade, no planeta e na vida. E isto acreditamos ser a verdadeira dimensão da palavra saúde. Todas estas tomadas de consciência e todo este caminhar é facilitado pela presença da música, do som e das artes em geral.

O projeto SAMP “Unidos pela Arte – UpA” é financiado e apoiado pela Câmara Municipal de Leiria.

    Fonte: GRPG!CML

 

3ª edição dos seminários “Design para Debate” arranca online no dia 14 de abril

Politécnico de Leiria convida profissionais e investigadores internacionais para debater o potencial do design

Está a chegar a 3ª edição dos seminários “Design para Debate” com profissionais e investigadores internacionais a discutir o potencial do design enquanto facilitador da reflexão e debate, através do pensamento em torno da necessidade da mudança paradigmática, que desloca o design das aplicações para as implicações (sociais, culturais, eco-sistémicas, éticas e políticas, entre outras). O programa é promovido no âmbito da licenciatura em Design Industrial, da Escola Superior de Artes e Design das Caldas da Rainha

Com INTERACTIVITY, uma exposição imersiva e interativa de Nuno Mika

Casa Varela - Centro de Experimentação Artística abre ao público em Pombal

Cartaz

A Casa Varela – Centro de Experimentação Artística, em Pombal, irá abrir ao público esta quinta-feira, 8 de abril, com INTERACTIVITY, uma exposição imersiva e interativa de Nuno Mika.

Focado no mundo digital, Nuno Mika é um artista e investigador que desenvolve projetos multidisciplinares no âmbito dos New Media Art. No inicio de 2014, depois de estudar Música, Eletromecânica e Arquitetura, começa a desenvolver instalações interativas com combinações entre luz e som, criando ambientes imersivos e oníricos, destinados a envolver o espetador. Os seus trabalhos já foram apresentados em vários países, como Canada, Rússia, Espanha, Holanda, Itália.

Nesta exposição que assinala a abertura da Casa Varela ao público, Nuno Mika apresenta ao público duas instalações: Infinity Room – uma sala interativa, onde a perceção espacial vai alterando consoante o movimento do espectador – e Sound Memory, que consiste na materialização de sons captados na cidade de Pombal, sendo projetadas estas ondas sonoras numa sala com vapor de água, e geradas diversas formas geométricas tridimensionais.

Apesar da Casa Varela já estar em funcionamento desde novembro passado, a sua utilização encontrava-se limitada aos criadores em residência artística que, ao longo dos últimos meses, produziram diferentes conteúdos virtuais que fomos disponibilizando nas nossas redes sociais.

Agora que a situação pandémica nos permite, as portas estarão abertas a todas e todos de quarta a sexta-feira, das 16h00 às 21h00 e aos fins-de-semana, entre as 10h00 e as 13h00.

    Fonte: GC|CMP

Concurso homenageia a célebre escritora e incentiva a produção literária

3.º Prémio Literário Fernanda Botelho bate recorde de participação no Cadaval

Fernanda Botelho

Mais de um milhar de propostas foram recebidas para participação no 3.º Prémio Literário Fernanda Botelho, concurso que encerrou ontem, dia 31 de março. Uma vez mais, as candidaturas a este galardão, promovido pela Câmara Municipal do Cadaval e Associação Gritos da Minha Dança, tiveram proveniência de diversos países, além de Portugal.

Esta edição contou com a participação de pessoas oriundas de diversas nações, mostrando que a língua portuguesa está disseminada pelo mundo. Estão representados países como o Brasil, Moçambique, Angola, Bélgica, Irlanda, República Checa, França, Suíça, Alemanha e, claro, Portugal.

Foram batidos recordes, tanto na participação geral, como na participação juvenil, tendo sido recebidos um total de 1127 contos candidatos.

Pela quantidade de contos recebidos, a previsão de divulgação dos vencedores (modalidade “adultos” e “juvenil”) será feita, previsivelmente, até ao final do ano corrente, em data a anunciar.

O prémio Literário Fernanda Botelho destina-se a homenagear a escritora Fernanda Botelho (1926-2007), que viveu parte da sua vida na aldeia da Vermelha (concelho do Cadaval) e cuja obra literária é aplaudida a nível nacional, tendo recebido diversos prémios literários.

Este galardão bienal (adiado em 2020 devido à pandemia) constitui um concurso promovido pelo Município do Cadaval e Associação Gritos da Minha Dança, detentora do acervo da referida escritora.

Em 2018, a segunda edição deste concurso cadavalense reuniu cerca de 200 participantes, oriundos de todo o território nacional e do Brasil.

Já a primeira edição (2016) totalizou perto de 380 participantes, oriundos de Portugal mas também de fora do país, nomeadamente Brasil, Canadá, EUA, Bélgica e França.

     Fonte: BF|SCRP|CMC

“Somos Todos um Rio” abrange 1 Município, 10 freguesias, 100 espetáculos

Município de Rio Maior e “Beleza Teatro” lançam projeto de teatro comunitário

O Município de Rio Maior e o “Beleza Teatro” lançam projeto de teatro comunitário “Somos Todos um Rio”, alargado a todo o concelho, que visa colaborar na programação, formação e criação artística. Um projeto, liderado por Rui Germano, que vai englobar todas as suas 10 freguesias, com enfoque principal no envolvimento da população. “Somos Todos Um Rio” foi apresentado, simbolicamente, no dia 27 de março, Dia Mundial do Teatro.

Produção artística e oferta cultural decorre até finais de junho

Leiria Cultura apresenta programação municipal para a primavera

Leiria Cultura apresenta a programação para esta Primavera, com múltiplos destaques, selecionados pelo Município, que acolhem áreas diversificadas da produção artística, até finais de junho. A opção por estações do ano surgiu da necessidade de dar resposta à incerteza das condições de programação que vivemos, mas também, para a fazer coincidir a com as condições meteorológicas.

Organização atesta que foi um sucesso e que ai regressar

Ronda Leiria Poetry Festival reuniu mais de 200 participantes de 40 países

Cartaz

O Ronda Leiria Poetry Festival, na sua primeira edição online e também além fronteiras, decorreu durante 10 dias, entre 12 e 21 de março, abraçou a poesia mundial, com mais de 200 participantes de 40 países, terminou há poucos dias e já estamos com saudades!

Assumido como um festival de características ímpares que Rondou a poesia nas suas mais diversas formas e expressões, o Ronda Leiria Poetry Festival trouxe a poesia do mundo a Leiria e levou a nossa poesia e os nossos poetas fora de portas através de palcos digitais.

Para a vereadora da cultura do Município de Leiria, Anabela Graça, “o Ronda Leiria Poetry Festival ainda agora começou, mas o feedback recebido revela que o seu futuro é garantidamente promissor, tendo superado todas as expetativas”.

Desde os participantes que manifestaram grande entusiasmo e total envolvimento no Ronda, ao público que, online, se fidelizou e manifestou surpresa pela grande qualidade deste festival e apoia novas edições, ficou a certeza de que o Ronda, já a partir da sua primeira edição, está a assumir uma extraordinária dimensão global.

Durante dez dias, lado a lado, numa partilha sentida da palavra dita e escrita nas suas línguas de origem, estiveram “de alma e coração” poetas, artistas, pensadores portugueses e estrangeiros, alguns sobejamente conhecidos e reconhecidos em Portugal e no mundo e aqueles que, não sendo conhecidos por cá, são nomes reconhecidos nos seus países de origem e passaram também a sê-lo em terras lusitanas.

A palavra é universal, os sentimentos são universais e a poesia remete-nos para uma dimensão na qual a língua não é obstáculo, mas sim um desafio.

Organizado pelo Município de Leiria, pela Cidade Criativa da Música UNESCO e Livraria Arquivo, o Ronda Leiria Poetry refletiu o excelente trabalho de uma equipa audaz que, apostou neste festival e conseguiu superar o espectável, formada por Celeste Afonso, coordenadora e, também responsável pela produção e curadoria, juntamente com Mirna Queiroz, Ana Miranda, Xana Vieira, Luís Filipe Sarmento e Paulo Costa (mentor da Ronda Poética e ligado ao projeto desde o início).

Em 2021 Leiria assinala os 400 anos do seu poeta maior – Francisco Rodrigues Lobo, com um vasto programa de atividades de caráter cultural, educativo e ambiental, no qual todos os leirienses são convidados a participar e, assim, conhecerem o seu legado poético. O Ronda Leiria Poetry fez jus à cidade dos poetas e passou a fazer parte de Leiria e do Mundo, numa afirmação de que a poesia não tem fronteiras e os poetas estão em toda a parte.

    Fonte: GRPG|CML

Filmes foram distinguidos pelo festival de cinema de turismo The Golden City Gate

Filmes do Turismo Centro de Portugal duplamente premiados em Berlim

Dois filmes promocionais do Turismo do Centro foram premiados na 21.ª edição do The Golden City Gate, importante festival de cinema de turismo inserido na feira ITB Berlim, na Alemanha: “Life is Now – A Vida é Agora” e “No Pain No Gain – Aqui Trabalha-se, O Resto é Paisagem” conquistaram duas “Silver Star”.

Entre 12 e 21 de março

Ronda Leiria Poetry Festival começa esta sexta-feira e transforma a cidade na capital da poesia

Cartaz

Imperdível e memorável! É assim que o Ronda Leiria Poetry Festival será vivido e sentido em Leiria e no mundo durante os 10 dias em que vai decorrer, online.

Entre 12 e 21 de março, o Ronda Leiria Poetry Festival irá receber entrevistas, conferências, debates, workshops, vídeo-poemas, espetáculos musicais e performances poéticas, num total de 65 horas de programação, com 200 convidados de 40 países.

No ano em que Leiria comemora o quarto centenário da morte do seu poeta maior – Francisco Rodrigues Lobo – este é um evento que celebra, também, o seu legado, afirmando Leiria como território de poesia e de poetas.

Promovido pelo Município de Leiria, Leiria Cidade Criativa da Música e Livraria Arquivo, o Ronda Leiria Poetry Festival traz até nós e leva ao mundo, sempre em formato digital, participantes como o francês Gilles Lipovestsky, o norte-americano Jack Hirschman, o angolano Ondjaki ou ainda Tyehimba Jess, Dwayne Betts, Bejan Matur, Lebo Mashile, Arthur Sze e Yoko Tawada.

Entre os autores convidados para o Ronda, temos referências nacionais de um mérito incontornável, com Luís Tinoco, Regina Guimarães, José Luís Peixoto, Nuno Júdice, José Anjos e João de Melo.

Sendo Leiria uma Cidade Criativa da Música UNESCO, a música estará sempre presente neste festival, que termina com composições de Rita Redshoes, que musicou poemas de Francisco Rodrigues Lobo.

“Provavelmente a alegria”, pelo Grupo Leirena Teatro, sobe também ao palco “digital” do Ronda, através da dramatização do livro de Saramago “1993”, entre muitas e importantes atuações que incluem ainda uma ação poética no Estabelecimento Prisional de Leiria.

Entre 12 e 21 de março, num palco digital – de Leiria para o Mundo e do Mundo para Leiria – todos estão convidados a acompanhar o Ronda Leiria Poetry Festival em:

https://www.facebook.com/rondaleiriapoetryfestival  https://www.facebook.com/LeiriaCultura

Toda a informação em https://leiriapoetryfestival.com/

    Fonte: GRPG|CML

Entre 12 e 21 de março

RONDA Leiria Poetry Festival recebe mais de 200 convidados de 40 países

Entre 12 e 21 de março, mais de 200 convidados oriundos de cerca de 40 países vão apresentar-se no RONDA Leiria Poetry Festival, em entrevistas, conferências, debates, workshops, vídeo-poemas, espetáculos musicais e performances poéticas. O Festival terá este ano a sua primeira edição internacional.

"O maior escritor leiriense de todos os tempos"

Município de Leiria assinala 400 anos da morte do poeta Francisco Rodrigues Lobo

O Município de Leiria assinala, em 2021, 400 anos da morte do poeta Francisco Rodrigues Lobo, com um programa diversificado de atividades educativas, culturais e científicas, até final do ano. A vereadora da Educação e Cultura, Anabela Graça, e o Prof. Doutor Carlos André apresentaram o programa.

Bailarino leiriense venceu o Prix de Lausanne

Município de Leiria atribui Votos de Louvor a António Casalinho e ao Conservatório de Dança Annarella Sanchez

O Executivo da Câmara Municipal de Leiria aprovou na sua reunião de 17 de fevereiro, um Voto de Louvor ao bailarino leiriense António Casalinho, que se sagrou vencedor da mais prestigiada competição de ballet do mundo: Prix de Lausanne e, um Voto de Louvor ao Conservatório Internacional de Ballet e Dança Annarella Sanchez pelo seu papel primordial na formação e promoção na área da Dança.

Disponível também em plataforma digital

Leitores da Rede Intermunicipal de Bibliotecas do Oeste já têm acesso gratuito a mais de 7000 publicações online

 Os leitores da Rede Intermunicipal de Bibliotecas do Oeste (RIBO) têm disponível o serviço Pressreader , plataforma digital que disponibiliza, gratuitamente, jornais e revistas online. Este serviço inovador permite ao leitor ler – instantaneamente, ou descarregar para ler mais tarde – mais de 7.000 publicações nacionais e estrangeiras.

Prémio tem o valor de 5000 euros

Alcobaça lança a 8ª edição do Prémio Internacional Books & Movies no âmbito da Literatura de Viagens

No âmbito do BOOKS & MOVIES – Festival Literário e de Cinema de Alcobaça, a Câmara Municipal de Alcobaça promove a 8ª edição do Prémio Internacional Books & Movies. Este ano, estará a concurso a modalidade Roteiro de Viagem Escrito no âmbito da Literatura de viagens, subordinado ao tema “Dê Lugar ao Amor”, sentimento universal que ocorre em todos os lugares.

Torres Novas

Curta-metragem “Boquilobo. Reserva de Futuro” estreia no Dia Mundial das Zonas Húmidas

O Município de Torres Novas associa-se ao Dia Mundial das Zonas Húmidas, dia 2 de fevereiro, estreando online a curta-metragem documental “Boquilobo.Reserva de Futuro”, de Carlos Mateus de Lima.

Projeto Concertos para Bebés não abandona Leiria em 2021

O Município de Leiria e a companhia Musicalmente esclarecem que o projeto Concertos para Bebés não abandona Leiria em 2021, mas deixa de ter programação em todas as salas onde operava em situação de exploração da bilheteira no primeiro semestre.

8ª Encontro de Teatro de Pombal decorre de 8 a 10 de janeiro

O Teatro Amador de Pombal promove nos dias 8, 9 e 10 de janeiro o seu 8º Encontro de Teatro com o objetivo de dar a conhecer o trabalho artístico desenvolvido por grupos teatrais com quem tem vindo a desenvolver parcerias culturais.